fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Ginecologista suspeito de assédio já tem mais três denuncias

Ao todo já são oito denuncias contra o homem. A primeira foi feita por uma mulher de 22 anos que afirmou que o médico teria dito que ela tinha uma “periquitinha quente”

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Três mulheres procuraram a Polícia Civil de Minas Gerais para denunciar assédios e abusos sofridos pelo ginecologista de 74 anos, que foi alvo de denúncia por assédio sexual a uma paciente de 22 anos.  O homem teria dito a mulher que ela tinha “uma periquitinha quente” durante consulta.

Segundo as autoridades, já na última sexta-feira (29), outras quatro mulheres haviam prestado depoimento contra o ginecologista. Ao todo, já são oito depoimentos contra o suspeito.

Segundo a vítima de 22 anos, “Ele falou ‘que periquitinha quente’ enquanto fazia o exame. Fiquei sem reação”, contou a jovem. “Ele disse que eu era a crush dele, que tinha rolado uma química entre nós”, complementou. Ao fim da consulta, ele teria tentado beijar a jovem à força.

 Conforme afirmou o hospital, o médico foi afastado das atividades assim que ficou sabendo do caso. O nome do suspeito não foi divulgado.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade