Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Ex-presidiário é morto a tiros de espingarda quando saia da igreja

Segundo as autoridades, o homem trabalhava como pintor e respondia por dois homicídios ocorridos no ano de 2016

Publicado

em

PUBLICIDADE

Da Redação
redacao@grupojbr.com

Um ex-presidiário foi executado a tiros no interior do Ceará. O caso aconteceu em Orós, na Região Centro-Sul do Estado, na noite da última terça-feira (12).

Francisco Antônio Bravo, de 52 anos, conhecido por “Toinho Bravo”, retornava de uma igreja com a mulher quando foi abordado por suspeitos. A vítima foi alvejado na cabeça por tiros de espingarda.

Segundo as autoridades, “Toinho Bravo” trabalhava como pintor e respondia por dois homicídios ocorridos no ano de 2016.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A mulher da vítima afirmou que não viu quem atirou e disse que o companheiro havia deixado a cadeia há cerca de dois meses.


Você pode gostar
Publicidade
Publicidade
Publicidade