fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Doméstica grávida é morta a facadas na Bahia. Neto da patroa é suspeito

Jéssica Santiago dos Santos, 29, era empregada doméstica e foi morta a facadas na casa onde trabalhava no bairro Canela, em Salvador

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Jéssica Santiago dos Santos, 29, era empregada doméstica e foi morta a facadas na casa onde trabalhava no bairro Canela, em Salvador. De acordo com moradores da região, a mulher estava grávida e que o crime aconteceu depois dela ser estuprada pelo neto da patroa. A polícia da Bahia ainda analisa o contexto da morte.

O suspeito de 29 anos foi cercado, agredido pela população e encaminhado ao Hospital Geral do Estado. Segundo a assessoria da PM baiana, o homem “foi capturado com uma lesão na cabeça, socorrido para o hospital”, mas já conduzido ao DHPP (Departamento de Homicídios de Proteção à Pessoa).

Porém, na denúncia há um segundo suspeito que conseguiu fugir. A polícia ainda verifica se o relato dos moradores é verdade. Eles disseram que os dois homens pulavam carnaval e pararam em frente à casa da avó de um deles e pediram para entrar.

A doméstica então abriu a porta e os deixou entrar. Um vizinho relatou à polícia que pouco tempo depois Jéssica Santiago saiu da casa sangrando muito e alegava ter sido vítima de facadas.

 


Leia também
Publicidade