fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Casal é apedrejado até a morte

Esses fatos, que geralmente ocorrem em áreas rurais conservadoras, são conhecidos como “crimes de honra” e costumam ser cometidos por parentes

Lindauro Gomes

Publicado

em

PUBLICIDADE

Da Redação
[email protected]

Um jovem casal foi apedrejado na quarta-feira (6) no sul da Índia por parentes da mulher, que se opunha ao casamento com um homem de uma casta considerada inferior – anunciou a polícia local nesta quinta (7).

Esses fatos, que geralmente ocorrem em áreas rurais conservadoras, são conhecidos como “crimes de honra” e costumam ser cometidos por parentes, em nome das tradições.

Os jovens noivos, do estado de Karnataka (sul), casaram-se há três anos contra a vontade de suas famílias.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A jovem pertence a uma casta elevada, enquanto o marido pertencia à comunidade dalit (anteriormente conhecida como “intocável”), e considerada a mais baixa da escala social no rígido sistema de castas indiano.

O casal fugiu de sua cidade natal e se estabeleceu em outra localidade, onde tiveram dois filhos.

No mês passado, eles voltaram à cidade para encontrar seus parentes, relatou a polícia.

“O irmão da mulher reuniu um grupo que atacou o casal e o matou a pedradas”, disse à AFP um membro da polícia local, Guru Shanth.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Três dos principais réus foram identificados, incluindo o irmão e o tio da mulher”, acrescentou.

Segundo as estatísticas das Nações Unidas, dos cerca de 5.000 “crimes de honra” que ocorrem todos os anos em todo mundo, quase 1.000 são na Índia.

Em 2011, o Supremo Tribunal da Índia estipulou que os culpados de “crimes de honra” devem ser condenados à morte.

Agence France-Presse

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade