fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Associação devolve R$ 210 mil a mulher negra que pagou o dobro do aluguel de vizinho branco

Sanctuary é uma das associações habitacionais que funcionam no Reino Unido e na Irlanda

Avatar

Publicado

em

Foto: Reprodução
PUBLICIDADE

Uma associação habitacional em Londres (Inglaterra) devolveu 30 mil libras (R$ 210 mil) a uma moradora. Ficou constatado que Selma Nicholls, de 40 anos, que é negra, pagou o dobro de aluguel que os vizinhos pagavam por um imóvel idêntico ao dela. A desigualdade das cobranças durou três anos.

O caso ocorreu na região de Tottenham, no norte de Londres. A Sanctuary é uma das associações habitacionais que funcionam no Reino Unido e na Irlanda. Essa tipo de entidade não tem fins lucrativos e fornece “habitação social” de baixo custo para as pessoas que precisam.

No entanto, Selma pagava um valor muito acima do que era cobrado aos outros inquilinos. A inquilina afirma que, em alguns meses, chegou a pagar 1.000 libras (cerca de R$ 7 mil) a mais. Devido aos danos psicológicos sofridos, ela cogita entrar na Justiça contra a associação.

“Sinto-me explorada, manipulada e negligenciada pela forma como a Sanctuary lidou comigo. Eu era única pessoa que não sabia que estava pagando o dobro do valor pela mesma unidade que meu vizinho”, desabafou a britânica, que tem um filho.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A entidade afirma que a diferença no valor cobrado não tem qualquer viés racial. A Sanctuary disse ainda que irá investigar o caso e melhorar a capacitação dos seus funcionários.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade