Menu
Na Hora H!

Após passar 10 anos acamado, idoso morre e é velado sentado em Goiânia

Uma das filhas tomou a decisão de fazer o velório com ele sentado como forma de última homenagem

Redação Jornal de Brasília

02/03/2024 12h51

Na última sexta-feira (1), quem compareceu ao velório do carpinteiro Quirino da Silva Souza se surpreendeu.  

Os presentes não encontram um caixão durante o velório. O senhor de 96 anos usava uma camisa azul, com uma gravata sentado em uma poltrona ao lado dos familiares, amigos e aqueles que queriam fazer uma última homenagem.

A decisão de que o velório fosse daquela forma partiu de sua própria família. Era a última homenagem de sua filha para o pai. 

A empresa contratada para o velório atendeu ao pedido da família com muita disposição e carinho, de acordo com informações do portal Mais Goiás. “A pessoa falecida está sendo velada de uma maneira que representa sua singularidade – sentado em uma poltrona, como um gesto simbólico da vida que ele levou”, afirmou a companhia.

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado