fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Adolescente que matou amiga com tiro acidental pratica tiro esportivo há 3 anos

Polícia revistou casa da família e encontrou sete armas; duas delas sem registro

Avatar

Publicado

em

Foto: Instagram/Reprodução
PUBLICIDADE

A adolescente, de 14 anos, que teria efetuado um disparo acidental e matado a própria amiga pratica tiro esportivo há, pelo menos, três anos. O pai dela, Marcelo Martins Cestari, de 46 anos, também pratica o esporte. A Federação de Tiro de Mato Grosso (FTMT) confirmou a informação. O acidente ocorreu na noite de domingo (12), em Cuiabá-MT.

O disparo atingiu Isabele Guimarães Ramos, de 14 anos, na cabeça. As adolescentes estavam no condomínio Alphaville, onde a vítima morava, quando ocorreu o acidente. A adolescente foi encontrada morta no banheiro da residência. 

De acordo com a federação do esporte, pai e filha participavam de competições da  FTMT, assim como outros membros da família. Além disso, a garota participava das aulas de tiro há três anos. 

A polícia iniciou uma apuração na casa da família e encontrou sete armas. Duas delas não possuíam registro e, por isso, Marcelo Martins foi preso em flagrante por posse ilegal de arma de fogo de uso permitido. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Após ser encaminhado à Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) ele pagou uma fiança e foi liberado. A polícia investiga o caso e irá ouvir o depoimento dos envolvidos.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade