Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Coluna Léo Dias

Junno Andrade, agora no SBT: ‘Já disse muito não na carreira e me arrependi’

Por Léo Dias 20/02/2020 5h55
Junno Andrade. Foto: Blad Meneghel

Junno Andrade já está nos estúdios do SBT, em São Paulo, se preparando para um novo desafio. Após dez anos, ele voltou para a emissora de Silvio Santos para dar vida ao professor de música Renato na segunda fase da novela infantil “As aventuras de Poliana”.

Essa não é a primeira vez que Junno irá se dedicar ao público infantil, ele já atuou num musical no teatro chamado “O grande reciclador” e enfatiza que crianças costumam ser mais exigentes quanto a atuação.

“O maior desafio é sempre fazer o mais natural possível, com muita verdade e, claro, cair na graça desse público tão exigente que são as crianças, eles sacam tudo! O Renato é um professor de música divertido, amigo, aquele cara que os alunos não querem perder a aula. Essa foi a primeira impressão que tive do personagem, e sei que tem muitas surpresas pela frente, mas estou proibido de falar”, despista Junno

Com experiência na TV, teatro e até na música, Junno já passou pela Globo, SBT e Record, onde além de atuar foi apresentador do “Power Couple” e “Dancing Brasil”.

“Sou um eterno aprendiz, as coisas vão aparecendo e vou encarando. Eu já disse muito não no começo da carreira e me arrependo amargamente. Fui convidado para fazer Kananga do Japão pelo Jayme Monjardim nos anos 1980 e não aceitei. Carreguei esse gorila nas costas durante anos, então, estou pronto para aprender e melhorar em cada uma dessas experiências”, diz o ator.

Agora contratado do SBT, Junno revela ser apaixonado pela atuação e vê a mesma responsabilidade entre atuar e apresentar: “Amei co-apresentar ao lado da Xu, e um programa tão maravilhoso. Para mim é a melhor produção da TV aberta no momento, todos os profissionais são incríveis. E a Xu dispensa comentários, né? Aprendi muito com ela, fora a honra de dividir aquele palco ao seu lado”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar