Menu
Futebol

Em jogo regional, Ponte arranca empate do Paulista

Arquivo Geral

18/05/2007 0h00

No clássico interiorano que abriu a terceira rodada da Série B do Campeonato Brasileiro nesta sexta-feira, o Paulista ficou no empate em 2 x 2 com a Ponte Preta no estádio Jaime Cintra, em Jundiaí. Com isso, o Galo da Japi segue sem vencer, mas somou seu primeiro ponto e subiu para a 14ª colocação. Já a Macaca, que havia vencido na primeira rodada, manteve o terceiro lugar, também com três pontos.

Em campo, o Paulista começou melhor do que a Ponte Preta. Contudo, os erros de passes das duas equipes prejudicavam as jogadas ofensivas. Além disso, as faltas na intermediária reduziram a qualidade técnica do jogo, que permanecia com poucas jogadas ofensivas. As melhores eram criadas nas bolas paradas, principalmente por meio de Rodrigo Fabbri.

O ex-jogador são-paulino, aliás, foi o grande responsável pelo primeiro gol do Paulista no jogo. Aos 36, o meia cobrou uma falta de fora da área e abriu o placar. A bola ainda bateu na barreira antes de entrar. A vantagem do time da casa ainda foi ampliada antes do intervalo. Novamente Rodrigo Fabbri cobrou falta na direita e Rever, aos 43, apareceu dentro da área para completar de cabeça para as redes.

Na saída para os vestiários, Fabbri revelou qual foi o pedido de Marcelo Veiga para o Paulista na partida. “Decidir o jogo marcando forte e saindo no contra-ataque. Foi o que o Marcelo pediu. Mas o jogo ainda está indefinido”, destacou o jogador, principal responsável pelo placar favorável ao Galo no primeiro tempo do jogo no Jaime Cintra.

Já a segunda etapa, ao contrário, foi favorável à Ponte Preta. Em desvantagem, o time de Nelsinho Baptista voltou melhor e conseguiu diminuir o placar logo no começo, também através de uma bola parada. Aos 13, Michael tromba com Marco Aurélio dentro da área e o árbitro assinala o pênalti. Na cobrança, o capitão Ânderson chutou no canto direito e diminuiu o placar.

O gol animou a Ponte a brigar pelo resultado. Assim, apesar do Paulista ainda buscar o gol que definiria a partida, o time campineiro conseguiu chegar ao empate aos 36 minutos. João Marcos acertou bom passe e Héverton dominou na área para, na seqüência, chutar no ângulo do goleiro Victor e fazer o segundo da Ponte na partida, dando números finais ao jogo.

Agora, a Ponte Preta tentará manter a invencibilidade na Série B diante do Fortaleza, no dia 22 (terça-feira), em Campinas. Já o Paulista busca sua primeira vitória na competição no dia 26 (sábado), quando encara o Brasiliense na Boca do Jacaré, em Taguatinga. A partida é válida pela terceira rodada da segunda divisão nacional.

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado