Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Turismo

Muita beleza com um precinho…

Do dia 1º ao dia 14 de fevereiro, a Chapada vai oferecer descontos em hospedagens, restaurantes, guias, atividades de aventura e atrativos

Foto: Reprodução

Por Amanda Karolyne
[email protected]

Para sair da rotina de estresse que o dia a dia de trabalho em Brasília pode gerar, a Chapada dos Veadeiros traz a calmaria necessária para quem procura recarregar as energias. E para quem nunca teve a oportunidade de conhecer o lugar, a Chapada Week pode ser o incentivo que faltava. Do dia 1º ao dia 14 de fevereiro, a Chapada vai oferecer descontos em hospedagens, restaurantes, terapeutas, lojas, guias, atividades de aventura e atrativos. São cerca de 45 estabelecimentos envolvidos.

Segundo Marília Luiza França, diretora da Associação Veadeiros, essa iniciativa foi pensada desde o ano passado para integrar os atrativos da região, estimular o ecoturismo e fornecer algo interessante para os turistas conhecerem ou retornarem a Chapada dos Veadeiros com um preço acessível. “Na verdade, a gente reuniu essas empresas dentro de uma associação, para trabalhar em conjunto enquanto região, para pensar junto como uma cadeia produtiva, de uma maneira que reflete a nossa realidade”, explica. Segundo a diretora, o desconto oferecido varia de 10% até 50%, e é específico para usar no período de 1º a 14 de fevereiro. Cada estabelecimento ficou livre para definir as regras do desconto.

As pousadas já estão com os descontos incluídos nos pacotes disponíveis nos sites. Já para os restaurantes, lanchonetes e atrativos, é só mostrar o print que será lançado na última semana de janeiro e postado nas redes sociais dos estabelecimentos para garantir o desconto.

Para Marília, o mais importante, é que essa proposta culmina em uma rede de divulgação entre os estabelecimentos participantes. Ela trabalha na Pousada Meu Talento, em Alto Paraíso de Goiás, que participa da semana de descontos.
Protocolos sanitários
Marília faz questão de dizer que qualquer aglomeração será evitada. “São todos microempresários da região. O turismo é muito mais seletivo e individualizado, proporcionando uma conexão maior com a natureza e consigo mesmo”, comenta. Mas ela frisa que de qualquer maneira a transmissão do víros da covid é sempre uma preocupação e que a Chapada está atenta a todos os protocolos de saúde.

Foto: Divulgação

Proprietário da Pousada Camarás, em Alto Paraíso de Goiás desde 2 de abril de 2021, Diego Magalhães Borges passará pela experiência da Chapada Week pela primeira vez como empreendedor na região. “É um evento integrado entre pousadas, restaurantes, guias, operadoras turísticas, lojas e atrativos, que fortalece a comunidade local e estimula o turismo. Preços mais acessíveis possibilitam que mais pessoas possam conhecer e desfrutar das maravilhas naturais da região.”

Ele conta que sua pousada, até mesmo por ter sido inaugurada durante a pandemia, tem alguns cuidados essencais para o momento. “O cenário influenciou a configuração do empreendimento, valorizando os serviços individualizados. As acomodações são totalmente privativas, com acesso exclusivo. Até mesmo o café da manhã, que pode ser contratado, é servido na varanda de cada suíte. As áreas comuns são ao ar livre, e nelas exigimos o uso de máscara. Com responsabilidade, há muito o que conhecer e aproveitar!”

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar