Menu
Gastronomia

2º Wine Jazz Piri celebra terroir do Cerrado com música e gastronomia

Com programação gratuita e paga, o evento inclui degustações exclusivas, shows, palestras e visitas a vinícolas até este domingo (23/6).

Redação Jornal de Brasília

21/06/2024 5h12

Wine Jazz Piri. Crédito: Divulgação

Wine Jazz Piri. Crédito: Divulgação

Neste fim de semana, a charmosa Pirenópolis, distante cerca de 150km do centro de Brasília, sediará o 2º Wine Jazz Piri. Até domingo (23/6), os visitantes poderão brindar o terroir do Cerrado e a Rota dos Pirineus, e desfrutar de uma experiência gastronômica e cultural inesquecível na cidade história, em meio a sua arquitetura colonial portuguesa.

O clima e o solo fértil de Goiás e do Distrito Federal têm se mostrado ideais para o cultivo de uvas. Essa região, conhecida como Rota dos Pireneus, abrange Pirenópolis, Cocalzinho e Corumbá de Goiás, e está conquistando admiradores com seus vinhos premiados. O festival será uma oportunidade para explorar e degustar esses produtos, incluindo vinhos brancos, tintos e rosés, além de queijos e sucos da região.

“Para Pirenópolis, sediar um evento como este é uma honra e uma alegria. Sabemos do grande potencial da Rota dos Pireneus – Queijos e Vinhos, e apoiamos totalmente os organizadores deste evento desde sua idealização, com o intuito de promover os produtos da Rota. Temos aqui uma produção artesanal que compete com rótulos internacionais e inclusive itens premiados tanto na gastronomia quanto na viticultura. Para o turismo, o Wine Jazz é uma vitória, já que promete e tem sido um dos eventos mais charmosos da nossa amada cidade”, comenta o secretário de turismo, Sérgio Rady.

Programação Diversificada para Todos os Gostos

O evento será dividido entre uma programação gratuita e atividades pagas. Na Arena Wine Jazz, no Largo da Matriz Nossa Senhora do Rosário, os visitantes poderão desfrutar de shows de jazz gratuitos, palestras com especialistas em vinhos e uma feira gastronômica com produtos regionais como embutidos, queijos, sucos e mel. Destaque para a apresentação do músico Derico Sciotti, ex-integrante do Sexteto do Jô, que também vai palestrar sobre Empreendedorismo e Carreira Cultural no Brasil, no sábado (22/6), às 15h, no Theatro, e arrematará às 21h na Arena, com o show de sua banda Duo Sciotti.

Para aqueles que buscam uma experiência mais exclusiva, o Degusta Terroir do Cerrado oferece degustações pagas de vinhos e harmonizações gastronômicas, incluindo combinações inusitadas com charutos e comida japonesa. As degustações acontecerão no Salão Paroquial, com ingressos disponíveis no BaladApp.

Vale reforçar que o Festival valoriza a produção regional, mas também abre as portas para outros vinhos nacionais e também internacionais. Desde o começo, a qualidade dos vinhos produzidos no Cerrado por meio da colheita de inverno, chamou a atenção dos apreciadores. Dentre eles, vale destacar os elaborados com uva Syrah, que melhor se adaptou à região.

Visitas a Vinícolas e Vinhedos: Uma Nova Atração

Uma das novidades deste ano é a possibilidade de visitar vinícolas e vinhedos na zona rural de Pirenópolis, e conhecer de perto o processo de produção dos vinhos do cerrado.

Um Festival que Valoriza a Produção Regional

O organizador do evento, Ricardo Trick, destaca a importância de promover a produção regional: “O Wine Jazz foi pensado para dar visibilidade à produção regional de vinhos do cerrado, que vêm alcançando excelentes resultados. Queremos que todos conheçam a qualidade desses vinhos, que competem com rótulos internacionais.”

2º Wine Jazz Piri
Para conferir a programação completa e adquirir ingressos para as atividades pagas, acesse o BaladApp. Não perca esta oportunidade de vivenciar o melhor do vinho, jazz e gastronomia no coração de Goiás.

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado