Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Entretenimento

‘Jô Soares era o YouTube da sua época e fazia outros comediantes bombarem’, diz Porchat

Ele teve sua primeira chance no humor aos 18 anos, quando pediu para exibir uma cena cômica no palco de seu programa, na Globo

Por FolhaPress 05/08/2022 2h53
Foto: Reprodução

Hoje uma das grandes estrelas do humor e da arte de fazer entrevistas no país, Fábio Porchat, 39, começou sua carreira com Jô Soares. “Com” Jô Soares é uma licença poética: Porchat, na verdade, estava na plateia do talk show, em 2002, e pediu uma chance de fazer sua graça no palco mais disputado do país. Jô o chamou e ele apresentou uma cena que havia escrito, inspirada na história da série Os Normais. Fez o maior sucesso e não parou mais.

“Eu tinha 18 anos e ali eu descobri que queria passar o resto da minha vida fazendo os outros darem risada”, diz Porchat à Folha de S.Paulo. O humorista se emociona ao falar sobre Jô, morto na madrugada desta sexta-feira (5), aos 84 anos, de causa não revelada.

“Ele mudou os rumos da comédia no país, tanto pelas suas realizações, pelos seus personagens, pelos comentários ácidos e no ponto, quanto por abrir a porta para tantos comediantes de tantas gerações. Era o YouTube da sua época, era ele que fazia os comediantes bombarem”.








Você pode gostar