fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Entretenimento

Foco Cia de Dança estreia Mamadook

Espetáculo de dança contemporânea abre 2021 com temas que abordam a ressignificação da mulher na contemporaneidade. Em cartaz no Cine Drive-in de Brasília.

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

A divindade guardada em cada mulher e o ambiente desrespeitoso onde a figura feminina é incansavelmente colocada serão temas do novo espetáculo da companhia brasiliense Foco Cia de Dança. Ensaiada em 2020, durante a pandemia, a obra de dança contemporânea Mamadook vai abrir o ano de 2021 em apresentação em vídeo no Cine Drive-in de Brasília (Centro Desportivo Presidente Médice – Asa Norte).

A produção conta com coreografia do paulista Cesar Dias e estará em cartaz no dia 14 de janeiro, quinta-feira, em sessões às 19h30 e 21h30. Ingressos: R$ 40 o carro, podendo caber até quatro pessoas. Vendas pelo link: MAMADOOK – Foco Cia de Dança – 19h30 – Sympla. Não recomendado para menores de 16 anos.

“Quis abordar a questão da antiguidade e da modernidade. Por meio de uma deusa pagã, vamos mostrar como a vida surgiu, sempre de uma mulher. Uma mulher que é fonte de luz, do saber, da existência humana”, destaca o coreógrafo Cesar Dias.

A experiência, ora marcada pela solista, ora uma simbiose dos bailarinos em metáfora à simbiose da mulher com suas crias, poderá ser vivenciada nas sessões que mostrarão os bailarinos em formato cinema.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Nossa ideia é colocar a mulher na centralidade de tudo, porque ela tem que estar. Sei que é difícil, sendo homem, me colocar na posição do gênero feminino e de colocar isso em cena. Precisamos enaltecer essa mulher o tempo todo, afinal, ela é a geradora da vida”, explica Dias.

Cesar é bailarino há mais de 20 anos e, desde 2015, atua como coreógrafo de renomadas companhias de dança de São Paulo e do Brasil.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Com direção de Renato Fernandes e produção da bailarina e também coreógrafa Naedly Franco, ambos fundadores da Foco Cia de Dança, Mamadook (nome criado por Cesar Dias em referência à mamute) chega aos palcos com um corpo de baile renomado, com coreografias  marcantes que apresentarão a ressignificação do feminino por meio da dança contemporânea.

Mamadook conta com o patrocínio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal por meio do Fundo de Apoio à Cultura (FAC-DF). Realização Foco Cia de Dança.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Espetáculo enfatiza a força da mulher

Cenas e coreografias fortes, com uma trilha sonora, figurino e cenário também impactantes realçam a produção idealizada por Cesar Dias ainda em 2016. Mamadook vem de mamute. “Mas também pode fazer referência à mama da mulher”, interpreta a coreógrafa e produtora Naedly Franco.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
>

E é essa mulher e todo o feminino que a Foco Cia de Dança vai revelar por meio de um balé que dialoga com a antiguidade e também com a modernidade.

“Vamos colocar a primeira mulher do mundo como sendo a mãe de todos nós. A deusa é nossa história e, na dança, ela é colocada sempre como o ponto inicial da humanidade”, ressalta Cesar Dias.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em 2017, o coreógrafo paulista descobriu a Foco Cia de Dança via Instagram. E foi de sua parceria com Renato Fernandes e Naedly Franco que a ideia se concretizará em 2021.

“Achei incrível o trabalho da Foco e a forma como a equipe conduz suas coreografias. Foi quando procurei a companhia e, de forma sutil, por vídeos, fizemos uma audição e começamos a montar o espetáculo primeiramente via Zoom, depois em ensaios presenciais que vão dar origem ao que vocês poderão assistir no Drive-in, em primeira mão”, exclama, feliz.

Fundada em 2014, a Foco Cia de Dança é uma companhia brasiliense que ficou reconhecida em todo o Brasil por sua direção, bailarinos e concepções únicas de espetáculo. Bailarina e protagonista de Mamadook, Bárbara Albuquerque fará a deusa pagã que terá momentos solos e também em conjunto.

Naedly Franco, que também dança na peça, ressalta a importância de retratar a invisibilidade imposta à figura feminina na sociedade. “Mamadook tende a romper o emaranhado desrespeitoso no qual, incansavelmente, a figura feminina é colocada. Tenta também suscitar a poderosa divindade guardada em cada mulher, de forma que torne translúcida a mulher visceral e forte, a ser evidenciada e venerada”, explica Franco.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Fundador da Cia e também diretor do espetáculo, Renato Fernandes acrescenta: “Mamadook está além de apenas mais uma produção da Foco Cia de Dança. A obra é também o resultado de muito empenho, o rompimento de muitas barreiras, dentre elas, a distância provocada pela pandemia“.

Renato, em parceria com a produção, também prezou pela acessibilidade. O intérprete de libras Raphael dos Anjos fará a tradução da parte introdutória e falada do espetáculo. Haverá ainda caderno em braile.

 

Serviço:

 Mamadook
Local:  Cine Drive-in de Brasília (Centro Desportivo Presidente Médice – Asa Norte).

Data: 14 de janeiro de 2021, quinta-feira

Horário:  19h30 e 21h30

Ingressos: R$ 40, o carro, podendo caber até quatro pessoas

Vendas: MAMADOOK – Foco Cia de Dança – 19h30 – Sympla

Não recomendado para menores de 16 anos

Informações: Instagram: @focociadedanca

Acompanhe a Foco em: Foco Cia de Dança – YouTube




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade