Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Policial militar do DF morre em acidente na Epia Sul

Publicado

em

Um policial militar de 37 anos morreu em um acidente automobilístico na Epia Sul, na manhã desta sexta-feira (3). Isaac Falcão Chaves Júnior estava a bordo de uma viatura descaracterizada – Chevrolet Prisma –  e seguia no sentido Plano Piloto. A batida ocorreu por volta das 6h40, na altura do viaduto do Catetinho.

Segundo o Corpo de Bombeiros, Isaac se envolveu em uma batida com um Ford Ka, que seguia no mesmo sentido. Em seguida, o militar teria pedido o controle da direção e cruzado o canteiro central. O Prisma só parou quando a lateral direita se chocou com a frente de um caminhão dos bombeiros, que seguia no sentido oposto. Uma moto também se envolveu na batida.

O policial militar sofreu ferimentos graves. Ele foi atendido pelo CBMDF ainda no solo e um helicóptero foi deslocado para o resgate. No entanto, apesar de todos os esforços, o cabo morreu no local. O trânsito ficou completamente impactado na região, com pelo menos três faixas bloqueadas. A via foi liberada no fim da manhã.

De acordo com os bombeiros, a moto envolvida era uma  Triumph / Tiger XRX, que transitava com duas pessoas: o condutor, um homem de 69 anos; e a garupa, uma mulher de 52. As vítimas receberam atendimento preliminar e foram levadas ao Instituto Hospital de Base do DF (IHBDF), com escoriações pelo corpo. Os dois estavam conscientes e orientados.

Os motoristas do Ford Ka e da viatura dos bombeiros não se feriram. A Polícia Civil foi acionada para a realização de perícia.

Vida do militar

Isaac era cabo e ingressou na Polícia Militar do DF em 2010. Lotado na Divisão de Direito Humanos do Centro de Políticas Públicas da corporação, ele era instrutor de cursos internos e estava a caminho de uma aula inaugural quando perdeu a vida.

Em nota, a Polícia Militar lamentou o ocorrido: “A PMDF perde um grande policial, exemplo e referência em sua área de atuação”. O Corpo de Bombeiros também emitiu nota pesar: O CBMDF lamenta profundamente seu falecimento e espera que familiares, amigos do Cabo Isaac e irmãos de farda da Polícia Militar do Distrito Federal possam encontrar conforto e paz.”.

Isaac era bacharel em direito,  falava quatro línguas e concluía mestrado em Direitos Humanos na Universidade de Brasília (UnB). O cabo era casado e pai de dois filhos, sendo que o caçula tem poucos dias de nascido.


Você pode gostar
Publicidade
Publicidade 
Publicidade
  • CHARGE DO DIA

    Charge do dia
Publicidade