Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

UTI: fôlego para a rede privada de saúde

A situação nos hospitais particulares é um pouco melhor, mas ainda preocupa. A taxa de ocupação dos leitos de UTI gerais está em 83,27%. As UTIs Covid-19 permanecem lotadas com 93,24%

Por Guilherme Gomes 23/04/2021 8h50
Foto: Agência Brasil

Nesta sexta-feira (23), a taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) está em 97,99% nos hospitais públicos do DF. Isso porque dezessete leitos estão vagos, mas apenas nove são para pacientes adultos, de acordo com a última atualização do InfoSaúde-DF, feita às 8h25.

A situação nos hospitais particulares é um pouco melhor, mas ainda preocupa. A taxa de ocupação dos leitos de UTI gerais está em 83,27%. As UTIs Covid-19 permanecem lotadas com 93,24%. Vinte e seis leitos estão disponíveis, sendo vinte e quatro deles para paciente adultos.

Lista de Espera

Até o momento da publicação desta reportagem, 188 pacientes aguardam leito de UTI na capital. Desse total, 104 são pessoas com suspeita ou confirmação de Covid-19.

Covid-19 no DF

O Distrito Federal (DF) registrou, nas últimas 24 horas, 878 novos diagnósticos de covid-19 e 52 mortes. Desde o início da pandemia, 370.686 pessoas já foram infectadas na capital.

Desse total, 95.3% (353.241) deste número estão recuperados e 7.440 (2%) faleceram em decorrência de complicações causadas pelo vírus.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Vacinação

Boa notícia para os brasilienses e residentes na capital federal. O Governo do Distrito Federal (GDF) antecipou, para esta sexta-feira (23), a vacinação de pessoas de 62 e 63 anos.

O adiantamento da imunização desta faixa etária só foi possível com a chegada de mais 46,5 mil doses de vacinas enviadas pelo governo federal.

Vale lembrar que as pessoas com 62 e 63 anos integram um grupo de 45.021 pessoas. O GDF informou que não há necessidade de agendamento e a imunização começa a partir das 13h.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo o Vacinômetro, desde 19 de janeiro, quando a campanha começou na capital, 371.394 vacinados da primeira dose e mais 177.875 pessoas que levaram a segunda dose. No total foram recebidas 536.560 doses da vacina CoronaVac, além das 175.750 mil doses da vacina Covishield.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar