Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Rodoviários voltam ao trabalho nesta terça-feira (04)

A direção do Sindicato afirmou que, por enquanto, não há nenhum novo ato programado e que haverá discussão sobre os próximos passos

Por Geovanna Bispo 03/05/2021 5h59
Foto: Agência Brasília

O sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transporte Terrestre de Passageiros Urbanos, Interestaduais, Especiais, Escolares, Turismo e Carga do Distrito Federal (Sittrater-DF) informou que o transporte público voltará a funcionar normalmente nesta terça-feira (04).

A direção do Sindicato afirmou que, por enquanto, não há nenhum novo ato programado e que haverá discussão sobre os próximos passos do movimento a partir de amanhã. Uma futura paralisação dependerá da posição do Governo do Distrito Federal (GDF).

“A paralização dos trabalhadores foi motivada porque o GDF mudou promessa feita à categoria que a incluía no calendário de vacinação prioritariamente. Após este anúncio, o GDF alterou o discurso e passou a informar que somente após vacinar as forças de segurança e professores, os trabalhadores do transporte entrariam na fila. Ocorre que, com a falta de vacinas, isso só viria a ocorrer dentro de longo prazo. A direção do sindicato entende que a categoria tem grau muito elevado de exposição e auto índice de contaminação, e por esta razão, tentou modificar o entendimento do GDF, mas sem sucesso”, explicou.

TJDFT

Neste sábado (1°), o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) havia tentado suspender a greve, acolhendo, assim, a Ação Civil Pública (ACP) apresentada pela Procuradoria-Geral do Distrito Federal (PGDF) e colocando multa de R$ 1.000.000,00 caso houvesse descumprimento.

“A melhoria das condições de trabalho reivindicada não pode ser atendida pelos empregadores e a ameaça de paralisação é dirigida ao Poder Público, como meio de sobrepor os interesses da categoria profissional à escolha política da definição de grupos prioritários para a vacinação”, diz o documento.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar