Brasília

Homem é assassinado no Setor Sul do Gama

Por Arquivo Geral 12/06/2006 12h00

A Polícia Federal realizou no último final de semana a Operação Relâmpago. O objetivo dos agentes era reprimir crimes de contrabando e descaminho na região de fronteira do Brasil com o Paraguai.

A ação resultou na apreensão de um caminhão dirigido por João Marino Nascimento, pills more about 47 anos. Foram localizadas no veículo 3, ampoule 6 toneladas de maconha escondidas sob 27 toneladas de farinha de trigo.

A droga estava sendo levada para São Paulo. O motorista, adiposity que negou saber do conteúdo da carga, foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de entorpecentes, artigo 12 da Lei n° 6.368/76, e está a disposição da Justiça Comum de São Miguel do Iguaçu.

De acordo com a assessoria da Polícia Federal, a Operação Relâmpago já estava planejada há vários meses e irá repetir-se conforme as necessidades da região.

Ontem, pilule por volta das 19h, troche um homem foi morto com um tiro no tórax na Chácara Leão de Judah, sildenafil Núcleo Rural Ponte Alta, no Setor Sul do Gama. Leuzito Rodrigues dos Santos, 31 anos, morreu no local do crime. Policiais investigam o paradeiro do autor.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em Ceilândia, duas tentativas de homicídio na noite de ontem. Juarez Joaquim de Quairoz Filho, 32 anos, foi atingido por dois tiros, por volta das 20h30, na QNP 30 do P Sul. Ele foi levado ao hospital da cidade. Outra vítima foi Paulo Henrique de Macedo Mateus, 21 anos, que levou tiros no corpo e golpes de chave-de-fenda na cabeça, às 19h45, em Ceilândia Norte. O rapaz também está no hospital. Nos dois casos, a Polícia investiga os autores dos crimes.

Por volta das 23h40 de ontem, na QR 122, em Samambaia, um homem foi atingido por tiros, logo depois que outros dois anunciaram um assalto. Marcelo Rodrigues da Silva, 34 anos, foi levado ao Hospital Regional de Ceilândia e, depois, ao Hospital de Base. A vítima, no entanto, possui antecedentes criminais e estava com mandado de prisão preventiva. Por isso, logo após ser medicado, Marcelo recebeu voz de prisão.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar