Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Complexo Cultural Funarte Brasília volta a ser do GDF

Espaço estava cedido até 2024 ao governo federal, mas o contrato será rescindido

Por Willian Matos 10/06/2021 12h14
Foto: Secec/Divulgação

O Complexo Cultural Funarte Brasília voltará a ser gerido pelo GDF, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec). O espaço estava cedido até 2024 ao governo federal, mas o contrato será rescindido.

Uma equipe da Secretaria de Cultura foi ao complexo na quarta-feira (9) para dimensionar a necessidade de mão de obra (limpeza, segurança, brigada). Após a assinatura do termo de rescisão, o governo federal tem o prazo de 30 dias para a devolução do imóvel. Depois de devolvido, o local deve passar por reforma, e a intenção da Secec é concluí-la até o fim de 2021.

O secretário de Cultura e Economia Criativa, Bartolomeu Rodrigues, anunciou que, em breve, as salas Plínio Marcos e Cássia Eller voltarão a receber os artistas locais. “Resgatar o Complexo Cultural para o GDF é como recuperar uma página importante da cultura de Brasília”, ressaltou.

Situado no Setor de Divulgação Cultural (Eixo Monumental), o Complexo Cultural Funarte de Brasília é formado pela Sala Plínio Marcos, com área construída de 1.425 m²; Sala Cássia Eller, com área construída de 426,3m²; Galeria Fayga Ostrower e Espaço Marquise/Entorno, além de galpões e salas de ensaios para dança.






Você pode gostar