Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Audiência discutirá proposta de museu para o lote do Touring

O objetivo é discutir com a população o projeto de lei complementar (PLC) que define os parâmetros de uso e ocupação do lote 1 do Setor Cultural Sul (SCS)

Foto: Seduh

No dia 18 de maio, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Seduh) promoverá uma audiência pública, às 14h. O objetivo é discutir com a população o projeto de lei complementar (PLC) que define os parâmetros de uso e ocupação do lote 1 do Setor Cultural Sul (SCS), onde fica o prédio do antigo Touring Club. No local, um museu tecnológico será construído pelo Serviço Social da Indústria (Sesi), com investimento de R$ 160 milhões.

A convocação para a audiência foi publicada no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta quarta-feira (14). No evento, também será debatida a proposta de revitalização no espaço adjacente ao lote, feita pelo Sesi por meio do programa Adote uma Praça. A ideia é construir uma praça na região entre o Touring e a Biblioteca Nacional.

Quanto ao novo museu, será um espaço de ciência, arte, tecnologia e inovação, localizado ao lado da Biblioteca Nacional e do Museu Nacional Honestino Guimarães. O local será chamado de Sesi Lab e vai contar com um anfiteatro externo para atividades culturais ao ar livre, quatro galerias para exposições, áreas de oficinas educativas, loja conceito, jardim e café. O Sesi pretende adotar um mobiliário flexível para a programação cultural.

“O projeto será de extrema importância para resgatar a utilização real de uma edificação tombada, que estava sem uso e deteriorando há anos. Uma área que antes era abandonada será revitalizada, para trazer um ganho cultural ao centro da capital federal”, afirmou a subsecretária do Conjunto Urbanístico de Brasília, Izabel Borges.

O PLC já conta com a aprovação do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), por meio do parecer técnico n° 51/2021. Além disso, o projeto segue o entendimento da Portaria nº 166/2016 do instituto, que prevê a destinação dos setores culturais Norte e Sul do Plano Piloto para o uso de equipamentos públicos de caráter cultural.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A previsão é que a obra do museu seja concluída no decorrer de 2022, durante as comemorações do aniversário de 62 anos de Brasília. A implantação contará com o apoio do Exploratorium, centro interativo instalado em São Francisco, nos Estados Unidos.

Formatos da audiência

A audiência pública será aberta a toda a sociedade e apresentada nos formatos virtual e presencial. O debate sobre o PLC vai ocorrer na sede da Seduh, localizada no Setor Comercial Sul, Quadra 6, Bloco A, no auditório do 2º andar. A sessão presencial será de livre acesso a qualquer pessoa que se inscrever até o dia 14 de maio pelo e-mail [email protected]

Em respeito às medidas de segurança impostas durante a pandemia, será possível a participação presencial de até 40 pessoas. Os demais interessados poderão participar de forma virtual por meio da plataforma Seduh Meeting, com acesso disponível no dia da audiência.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O objetivo da reunião é fornecer dados técnicos sobre o uso e a ocupação definidos para o lote e ouvir sugestões, propostas e contribuições da população. Dessa forma, é cumprida a determinação prevista na legislação, que exige a convocação de audiências públicas com divulgação prévia do conteúdo a ser tratado. Assim, fica garantida a participação popular na construção coletiva do projeto.

Toda a informação necessária para subsidiar o debate, como a minuta do PLC, está disponível no site da Seduh.

Projeto

A minuta do projeto de lei complementar prevê para o lote 1 do SCS atividades que sejam ligadas ao Patrimônio Cultural e Ambiental, como ensino de arte e cultura. A implantação e o licenciamento dessa e de outras atividades complementares explicitadas na minuta de lei estão condicionadas à atividade principal.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“O projeto de lei também estabelece critérios como a taxa de ocupação máxima da área do lote, a taxa mínima de permeabilidade, a altura máxima de novas edificações no interior do lote, o número mínimo de vagas de estacionamento, entre outras medidas”, informou a subsecretária do Conjunto Urbanístico de Brasília.

O texto especifica ainda que qualquer intervenção no lote, incluindo projetos de novas edificações e modificações – com ou sem acréscimo de área construída para o edifício original e tombado –, devem ser submetidas à manifestação prévia dos órgãos federal e distrital de preservação do patrimônio histórico.

Trâmite

Depois da audiência pública, o PLC ainda precisa passar pelo aval do Conselho de Planejamento Territorial e Urbano (Conplan). Essa será a última etapa dentro do Poder Executivo, para então ser enviado à análise da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF).

Serviço

Audiência pública sobre o PLC que define o uso e a ocupação do lote 1 do Setor Cultural Sul

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Data: 18 de maio

Horário: 14h

Acesso: Disponível na plataforma Seduh Meeting no dia da audiência

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

As informações são da Seduh






Você pode gostar