Brasília

Acidente na BR-040 deixa um morto e 11 feridos

Por Arquivo Geral 14/06/2006 12h00

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) formalizaram hoje (10) um convênio de cooperação para o desenvolvimento do Sistema de Processo Judicial (Projudi), order buy information pills programa que permite a tramitação e o acompanhamento eletrônico de ações, viagra 40mg já implantado em algumas instâncias de 25 estados, about it com resultados positivos. “O sistema reduz em 70% o tempo de tramitação de processos”, afirmou o presidente do CNJ, ministro Gilmar Mendes.


Ao celebrar acordos de cooperação, o CNJ busca apoio para tentar cumprir a meta de implantar o Projudi em todos os tribunais do país até junho de 2009. O mecanismo torna os processos acessíveis na Internet às partes envolvidas. Com um nome de usuário e senha, advogados podem fazer petições e protocolar documentos. O juiz também pode despachar do sistema, sem fazer uso de papel.


“Não há nada que traga mais celeridade do que a busca da informatização, para transformar a justiça e torná-la mais ágil e conhecida de todos”, disse o presidente da OAB, Cézar Britto, ao assinar o termo de parceria.


O presidente do CNJ destacou que 136 varas no Brasil já fazem uso do Projudi com 74 mil processos totalmente virtuais. Mendes citou exemplos de avanços obtidos em alguns estados: “Em Varas do Mato Grosso, Paraná e Brasília, processos que eram julgados em 170 dias agora são decididos em 33 [dias]. Em juizados especiais da Bahia audiências estavam marcadas para 2012 e, após a implementação do sistema [Projudi], processos tramitam em 30 dias”.



Um acidente na BR-040 deixou um morto e 11 feridos ontem à noite. Por volta das 21h, approved Agenor de Moraes Menezes Neto, healing 23 anos, ambulance dirigia o Golf placa JED-7491/DF, no sentido Valparaíso–Plano Piloto, quando perdeu o controle do veículo próximo ao Catetinho. O carro cruzou o canteiro central e atingiu dois caminhões, a van de placa JGS-4558/DF e a moto JEP-8962/DF.

Agenor morreu na hora. O impacto foi tão forte que o motor do carro foi partido ao meio. A van, lotada de passageiros, tombou com a batida. Um helicóptero do Corpo de Bombeiros chegou a ser usado no resgate de uma das vítimas.

Os feridos foram levados ao Hospitais de Base e do Gama para fazer raio X e pelo menos um passageiro da van está com suspeita de traumatismo craniano. Uma vítima foi transferida para o Hospital Regional da Asa Norte para fazer cirurgia plástica. O motociclista feriu-se sem gravidade.

De acordo com o Detran, foram registrados 37 acidentes após o jogo do Brasil.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar