Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Blogs e Colunas

Almaviva safra 2021

Elegância, fruta e frescor são as principais características desta safra

Foto: Cynthia Malacarne

Ocorreu em Brasília, na última quarta-feira (30), o lançamento do vinho ícone chileno, Almaviva 2021, com a presença do enólogo Michel Friou.

Almaviva é um rótulo desejado por todo apreciador de vinho. Além disso, a negociação de sua venda é realizada na famosa praça de Bordeaux (França), onde são vendidos os vinhos mais caros do mundo.

Importante ressaltar que cada ano é único para um vinho, e apesar de o enólogo manter sua técnica de vinificação, manejo no vinhedo e a proporção das uvas na elaboração, no caso de “cortes”, o clima influencia muito no resultado. Anos mais quentes geram determinado perfil de vinho, diferente de anos mais frios. A chuva também é um fator que faz diferença.

Foto: Cynthia Malacarne

No caso do Almaviva, o ano de 2020 foi, além de quente, o mais seco das últimas três décadas no Chile. A vindima foi realizada de forma antecipada em virtude da total maturação da uva, por conta desse calor. Segundo o enólogo Michel Friou, essa situação acabou sendo positiva por conta da chegada da covid, o que permitiu que todas as uvas fossem colhidas antes da pandemia.

Friou ressaltou que, logo após esse longo período de seca, voltou a chover novamente, e no fim de janeiro de 2021 ocorreu um dia de chuva bem forte, que só não causou um desastre porque foi um caso isolado. Depois, o clima ficou mais fresco e assim seguiu até depois da colheita. Isso permitiu uma maturação mais lenta das uvas, o que é essencial para a elaboração de um vinho de ótima qualidade, uma vez que irá ressaltar a fruta fresca, com boa acidez e frescor.

Enólogo do vinho Almaviva, Michel Friou. Foto: Cynthia Malacarne

Para Friou, a safra 2020 gerou um vinho com fruta mais concentrada, mais potente. Já o Almaviva 2021 é mais delicado, elegante, com equilíbrio entre fruta, acidez, álcool e tanino. Segundo o enólogo, os taninos estão mais polidos. Ele considera 2021 uma supersafra.

Devemos considerar a safra 2021 melhor do que a 2020? Não. São safras que geraram perfis de vinhos distintos, mas de mesma qualidade. O consumidor é quem irá decidir qual ano comprar. Quem prefere vinhos mais potentes com fruta mais concentrada pode decidir pelo Almaviva 2020. Por outro lado, aqueles que têm preferência por vinhos mais delicados, privilegiando a fruta fresca, escolherá o 2021.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O vinho Almaviva 2021 continua com sua identidade, auferida pelo seu enólogo, que sempre deixará sua marca. Mas, a cada ano, está a se tornar um vinho mais elegante, seguindo a tendência do mercado atual que busca vinhos com menos extração, mais fruta fresca, maior acidez, taninos macios e menos madeira.

O consumidor que deseja provar o Almaviva 2021 terá que esperar mais alguns meses, porque a sua negociação em Bordeaux irá ocorrer no próximo dia 06 de setembro. Acredito que daqui a uns quatro meses será possível encontrá-lo para comprar nas lojas da Super Adega em Brasília.

Wine C traz a Brasília seu primeiro rótulo próprio

A Wine C, conhecida no mercado de Brasília pelos seus vinhos (todos exclusivos da importadora Del Maipo) e cursos/workshops, agora possui o seu rótulo próprio, o Brunello Di Montalcino Wine C.

Fruto da parceria com a vinícola italiana Sensi, o Brunello Di Montalcino ficou em tonéis de carvalho por três anos e, em seguida, passou mais dois anos em tonéis de cimento. O rótulo está à venda somente na Wine C, pelo preço de R$ 588.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“É Um vinho espetacular com muita força, muita potência, muita estrutura. Ele carrega em sua essência o DNA da nossa marca. É uma produção de apenas 360 garrafas que carrega consigo o empenho e dedicação de toda a equipe”, explicou a proprietária Lara Torres.

Foto: Divulgação

Fundada em abril de 2019, a Wine C surgiu de um desejo da empresária Lara Torres de formar mais mulheres no mundo do vinho. No início, tratava-se apenas de cursos e workshops, mas logo a empresa seguiu naturalmente para o ramo das vendas. “Quando comecei, nem imaginava ter nosso próprio rótulo, mas agora sei que esse é o primeiro de muitos”, comemorou a empresária.

Serviço
Instagram: @_winec
WhatsApp: 61 9308-5388
E-mail: [email protected]
Funcionamento: seg- sex / 8h às 18h
Site: https://winec.com.br/

Foire Aux Vins ganha sua primeira edição presencial em cinco capitais

Para divulgar a cultura francesa através de vinhos e gastronomia e aproximar os produtores de vinhos dos consumidores, a importadora Chez France realiza, de 25 a 29 de setembro, a primeira edição presencial da Foire Aux Vins.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Desde 2015 a importadora faz dois eventos anuais em formato virtual. A Foire Aux Vins 2023 acontece em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e Recife e conta com a participação de vinte produtores de países como França, Portugal, Grécia e Espanha.

O participante poderá degustar mais de cem rótulos apresentados pelos produtores, conhecer ao vivo quem faz os vinhos e trocar experiências.

Entre as vinícolas que estarão presentes, Vignobles Jade de Bordeaux, Champanhe Maison Vollereaux, Famille Jaume de Côte du Rhône, Domaine de la Rouillère da Provence, Domaine Casa Nova da Córsega, Domaine Couly Dutheil do Loire, Cinco Forais do Alentejo, Marques del Silvo de Rioja, Bota Velha de Douro e Theotoky Estates da Grécia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Além da degustação, a feira vai trazer atividades com produtores e com especialistas em vinhos.
A Foire Aux Vins tem o selo Taste France, lançado pelo governo francês em 2020 para marcas francesas da indústria agroalimentar.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em Brasília o evento ocorrerá no dia 28 de setembro, das 17 às 21h, no Espaço Alvorada (Setor de Clubes Sul, trecho 2).

Serviço:
Foire Aux Vins 2023

28 de setembro, das 17 às 21h
Espaço Alvorada – Setor de Clubes Sul, trecho 2 — Asa Sul, Brasília-DF
Ingressos para a feira, incluindo degustação de mais de 100 rótulos, a partir de R$ 150
Masterclass: R$ 50
Vendas pelo Sympla
Realização: Chez France (https://loja.chezfrance.com.br / @chezfrancebr)






Você pode gostar