Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Educar é ação

Criação de atividades virtuais que podem melhorar a saúde mental do aluno

Por Philip Ferreira 17/04/2021 7h48

O aprendizado virtual tem um efeito profundo em vários aspectos de nossas vidas – alguns visíveis, outros invisíveis. Uma das barreiras significativas à aprendizagem nos últimos anos é gerenciar o bem-estar dos alunos. Com a transição contínua das escolas para ambientes virtuais de aprendizagem após as atuais circunstâncias sem precedentes, como a pandemia COVID-19, muitos professores voltam sua atenção para a saúde mental de seus alunos.

Ser estudante é difícil, mas gerenciar outras responsabilidades e trabalhos escolares enquanto sofre de uma doença mental pode ser ainda mais estressante. De acordo com a National Alliance on Mental Illness (NAMI), quase um entre cinco jovens de 13 a 18 anos tem problemas de saúde mental. Cerca de 70 por cento das pessoas que vivem com problemas de saúde mental os adquirem antes dos 24 anos de idade. 

Essas condições às vezes podem ser assustadoras e debilitantes, forçando os alunos a se esconderem em vez de procurarem ajuda. Professores e educadores devem buscar continuamente informações úteis sobre como melhorar a saúde mental de seus alunos.

Por que você precisa de atividades virtuais em sua aula

Muitos alunos sentem medo no momento em que identificam um problema de saúde mental dentro de si, pois podem não ser capazes de reconhecer sua origem. A maioria dos que já se sentiram ansiosos durante as sessões de falar em público, mas experimentaram repentinamente uma ansiedade avassaladora, não conseguiram descobrir o que mudou.

Muitos fatores podem contribuir para mudanças na saúde mental, incluindo pressão acadêmica, família e mudanças significativas na vida. A criação de atividades virtuais pode ajudar a envolver e aliviar a ansiedade e o estresse entre os alunos. Os professores podem usar atividades virtuais para aulas de aconselhamento específicas, aulas de bem-estar ou podem ser vinculadas a outros currículos, incluindo educação física, humanidades, artes e inglês.

Veja o que essas atividades podem fazer por seus alunos:

  • Energize-os no início da aula, antes do início da aula. 
  • Mantenha os alunos conectados aos colegas.
  • Peça aos alunos que pensem sobre sua saúde mental.
  • Centralize seu cérebro na aprendizagem do dia.
  • Reavive a energia quando eles se sentirem esgotados.
  • Aplauda os alunos e termine a aula com uma nota positiva.

Atividades virtuais que podem melhorar a saúde mental do aluno

 Essas atividades são excelentes maneiras de construir um senso de comunidade dentro de uma aula virtual. Eles também podem ajudar a desenvolver o relacionamento professor-aluno e dar aos alunos uma pausa para relaxar e preservar seu aprendizado. Aqui estão algumas ideias que você pode usar para melhorar a saúde mental dos alunos. 

Incluir Música        

A música pode concentrar seus pensamentos e incutir uma mentalidade mais positiva. Você pode deixar seu grupo de alunos em sintonia permitindo-lhes a chance de contribuir com uma lista de reprodução colaborativa ou ter uma batalha de sincronização labial. Desafie-os a criar uma “trilha sonora” que se encaixe no livro que você está estudando. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Você também pode ter uma lista de reprodução do dia, dando as boas-vindas a todos para ouvir várias músicas com curadoria de funcionários ou alunos. Isso pode incluir títulos de músicas que inteligentemente se referem a lidar com mudanças ou tecnologia digital. Certifique-se de selecionar todas as músicas para garantir que sejam apropriadas para seus alunos e apenas compartilhe mensagens positivas que os animam. 

Compartilhe talentos

Crie um programa interativo diário onde cada aluno compartilha seus talentos ou objetos favoritos. Isso pode ser qualquer coisa apropriada, desde contar piadas engraçadas ou mostrar uma habilidade, até tocar um instrumento ou compartilhar algo em que estejam interessados. Um ambiente “mostre e conte” é especialmente popular entre as crianças mais novas que adoram exibir seus brinquedos e livros. Basta informar os alunos com antecedência antes do grande dia para que eles possam se preparar com antecedência.

Criar Arte

O desenho e a pintura mostram como cada um de nós interpreta informações semelhantes. Descreva algo para seus alunos e peça-lhes que desenhem. Descreva para eles até que todos entendam o que é e possam desenhar em sua versão. Deixe que todos mostrem seus desenhos antes de mostrar o item real. Você pode usar isso para informá-los sobre a importância da perspectiva e de ouvir os outros. 

Talvez você possa hospedar um instrutor ou aluno talentoso para orientar seus alunos através de um objeto razoavelmente simples de pintar. Mesmo que a maioria dos alunos não tenha material de pintura em casa, o vídeo em si pode ser relaxante. Você também pode torná-la uma sessão interativa, com os alunos fazendo sugestões ao pintor.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Escreva histórias de classe

Considere começar uma história com algumas palavras e peça a cada aluno para adicionar mais algumas palavras. Acompanhe a história digitando as histórias contadas e depois que cada um tiver sua vez, leia a história inteira na tela para que todos possam desfrutar. As histórias podem abranger todos os tópicos e variar de um dia para o outro, dependendo do que é essencial para seus alunos. 

Ao escrever histórias com seus alunos, você pode compilá-los para um livro de classe para compartilhar com eles no final do ano para mostrar seu lado criativo. 

Tirar fotos

Peça aos alunos que tirem uma foto de algo ligado a um tema ou à lição atual. As fotos podem incluir algo que eles achem engraçado, uma atividade favorita ou uma vista de fora da janela de que gostem.

Peça aos alunos que compartilhem suas fotos e colete-as em um quadro virtual para mostrar uns aos outros. No entanto, esteja atento aos alunos que podem estar em condições difíceis, como morar em um hotel ou um abrigo, e acomodar conforme necessário para salvaguardar sua privacidade. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Conclusão

Com essas poucas ideias, você pode criar muitas memórias de formação de equipes em sua sala de aula. O ensino é exigente e o aprendizado virtual foi um ajuste para todos. Os professores não precisam abrir mão de toda a diversão para melhorar a saúde mental dos alunos simplesmente porque eles estão mais distantes.

Reservar um tempo para fazer algo divertido todos os dias ajudará os alunos a se envolverem nas aulas reais. Quando os alunos usam sua criatividade a seu favor, eles respondem positivamente. E os alunos provavelmente irão surpreendê-lo com o quanto eles têm a compartilhar. 

No meio de incertezas e estresse, você pode não ser capaz de garantir a seus alunos a certeza dos acontecimentos, incluindo quando eles retornarão à escola e uma experiência escolar normal. No entanto, ao apoiar agressivamente o bem-estar do seu aluno por meio de atividades virtuais criativas, você fará com que eles se sintam cuidados, seguros e valorizados em momentos de desafios.                 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar