Siga o Jornal de Brasília

Do Alto da Torre

Glenn Greenwald na CCJ e Flávio Bolsonaro no shopping

Publicado

em

Críticas…

Depois de passar mais de quatro horas na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado falando sobre as revelações de seu site, o editor e fundador do The Intercept Brasil, Glenn Greenwald, passou a desdenhar da Casa Legislativa momentos depois. Ao falar aos estudantes que marcaram presença em sua palestra no 57º Congresso da União Nacional dos Estudantes (UNE). A mensagem foi clara. Sobre os “ilustríssimos”, o jornalista foi enfático. “A energia aqui é muito muito melhor do que a de lá”.

…fundadas

Usando de um tom mais forte, Greenwald criticou especificamente o senador Flávio Bolsonaro (PSL/foto) que tem feito críticas ao trabalho do jornalista, mas que não compareceu à sabatina no Senado. Enquanto a sessão na Casa legislativa acontecia, o filho do presidente tirou a manhã de ontem para fazer compras no Outlet Premium Brasília, em Alexânia-GO. Resumindo: Flávio não compareceu à audiência, mas foi visto por frequentadores do conjunto de lojas em um momento de lazer. Como senador, deveria estar exercendo o mandato.


Cordialidade política

Foto: Renato Alves/Agencia Brasília

Após chegar de viagem, Ibaneis Rocha (MDB/foto) decidiu sancionar diversos projetos de leis de distritais ontem. Entre eles, estava o da oposicionista Arlete Sampaio (PT), que reserva 20% das vagas de concursos públicos aos negros e negras. A canetada já havia sido manifestada na segunda-feira (8) quando o governador decidiu ligar para a distrital para garantir a sanção. A medida é considerada uma ação afirmativa que, segundo a parlamentar, “visa reparar o histórico de sofrimento e dano aos negros do país”. De forma direta: “Fiquei feliz”, garantiu.


De olho no mandato

Eleito com um forte apoio da comunidade LGBT, dos servidores e por ter construído apoio junto à militância universitária, o distrital Fábio Felix (Psol), começa a construir novos caminhos. A ideia é expandir a atuação parlamentar para pautas ligadas aos Direitos Humanos e à Cultura, que possui uma militância organizada. Felix também começa a divulgar o mandato para as regiões administrativas, onde soma-se um maior número de votos. Por enquanto, diz não pensar em reeleição ou lançar-se para federal. “Ainda é cedo para pensar nisso”, sempre repete. Só que o caminho começa a ser traçado.


Taguatinga em destaque

Estaciona hoje, na região administrativa de Taguatinga, a Caravana Itinerante que reúne órgãos governamentais e representantes empresariais. As linhas de financiamento vinculadas ao Fundo Constitucional serão tema do debate principal. Integrantes do setor privado devem marcar presença caso queiram obter mais informações sobre o recurso que movimenta a economia local. Só neste ano, o fundo disponibilizará cerca de R$ 700 milhões em recursos para o DF, divididos de igual forma para o empresariado e o setor produtivo.


Nova gestão

A Agência Digital, lançada pelo Banco de Brasília (BRB) na semana passada, está dentro da série de iniciativas que vêm sendo implantadas pelo presidente Paulo Henrique Costa. Diferente do BrB Mobile, que funciona como um HomeBanking, a nova ferramenta deve proporcionar um suporte mais fácil e um horário de atendimento estendido ao cliente. O meio virtual acaba sendo uma alternativa aos usuários que não queiram se deslocar a uma agência física, embora o serviço continue sendo prestado presencialmente. Na primeira etapa do piloto, o banco vai cadastrar 1500 pessoas que devem testar o modelo.
Mas o prazo de testes tende a ser curto e, em breve, o BRB deve expandir o serviço.


Você pode gostar
Publicidade