Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Blogs e Colunas

Tesouro já recebeu R$ 900 milhões de acordos de leniência

Por Leandro Mazzini 23/11/2021 3h12
Foto: Agência Brasil

O Tesouro já viu a cor de mais de R$ 900 milhões no caixa em 2021 e tem outros R$ 800 milhões garantidos parcelados, de cinco acordos de leniência firmados pela CGU e pela AGU com envolvidas em ilícitos. É o saldo positivo apresentado ao Palácio do Planalto. São elas: Samsung Heavy Industries; SICPA e CEPTIS; Amec Foster Wheeler; Statkraft  e Rolls-Royce. Envolvidas na Operação Vícios, da Polícia Federal e do MP Federal, que desbaratou bilionário esquema de corrupção na Casa da Moeda, a SICPA e a CEPTIS ainda não pagaram os R$ 762.736.310,10.

O braço da Samsung fabricante de navios desembolsou à vista R$ 811.786.743,49 por malfeitos descobertos em contrato com a Petrobras – onde a lupa do compliance encontrou ilícitos da Amec, que também quitou à vista o acordo de R$ 86.196.063,32.








Você pode gostar