Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Blogs e Colunas

Estrela da Lava-Jato é a mais nova filiada de instituto comandado por braço-direito de Moro

Por Leandro Mazzini 11/05/2022 10h30
Foto: Reprodução/Agência Brasil

A petroquímica Braskem, controlada pela Novonor (ex-Odebrecht) e Petrobras, anunciou sua filiação ao Instituto Combustível Legal, entidade que reúne as maiores distribuidoras de combustíveis do País e comandada pelo general Guilherme Theophilo.

O militar foi o braço-direito de Sergio Moro nos tempos de Ministério da Justiça.

A Braskem, que foi uma das estrelas da Operação Lava-Jato ao ser acusada de pagar propina a políticos e executivos da Petrobras, justificou sua entrada no ICL para “construir um ambiente mais ético”.

Justificativa no mínimo risível. Sergio Moro, nos tempos que mandava na Lava-Jato como juiz federal, não considerava a Braskem tão ética assim.








Você pode gostar