Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Analice Nicolau

“Se você ama um, por que come o outro?” SVB relança campanha em painéis nos metrôs de São Paulo

Iniciativa tem o intuito de promover a reflexão do consumo de carne de animais que vão para o abate, como, porco, vaca e galinha. Campanha tem Emiliano d’Avila como embaixador.

Por Analice Nicolau 03/05/2021 2h25
SVB Emiliano d’Avila – Embaixador da campanha da SVB

A partir desta segunda-feira, 3, painéis eletrônicos e estáticos das estações Pinheiros, Paulista e República, da linha amarela do metrô da capital paulista, ganham imagens da campanha “Se você ama um, por que come o outro?”, da Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB). A iniciativa, que foi lançada pela primeira vez em 2013, retorna em 2021 com mais força, considerando o contexto conturbado e de urgência que vivemos, de profundas reflexões sobre hábitos cotidianos e seus impactos no mundo.

O ator e roteirista Emiliano d’Avila, que é o embaixador da campanha, comentou que “levar ao metrô de São Paulo esse questionamento, que guarda um importante princípio ético, é um passo gigante na massificação dessa ideia. A compaixão pelos animais, não só os de estimação, é algo que todos devemos cultivar. E todos nós temos esse potencial de empatia, basta ser despertado.”

Fundada em 2003, a Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB) é uma organização sem fins lucrativos que promove a alimentação vegetariana como uma escolha ética, saudável e sustentável. Para a campanha, a pergunta “se você ama um”, referindo aos pets, como os cachorros ou gatos, “por que come o outro?”, referindo-se aos criados para o abate, como o porco, galinha ou vaca, a SVB pretende provocar os passageiros do metrô para uma reflexão ainda mais profunda.

Legenda: Ricardo Laurino, presidente da Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB)

Ricardo Laurino, presidente da SVB, contou que “a nossa relação com os animais e aquilo que colocamos no prato são temas que dificilmente nos questionamos a respeito. São hábitos cotidianos que, muitas vezes, somos levados a acreditar que não têm relevância ou impacto no mundo. Mas tem. No fundo, todos queremos ser compassivos e justos com os animais, precisamos apenas de coragem e estímulo para rompermos com heranças culturais que nos cegam”.

A campanha também conta com ações online e offline que envolvem filtro no Instagram, camisetas para venda no site da SVB e ainda um vídeo bastante reflexivo. Os painéis espalhados pelas estações e em prédios comerciais estarão disponíveis, a princípio, por 28 dias. Mas simpatizantes da causa podem contribuir para que ela continue alcançando mais pessoas, fazendo doações pelo site oficial www.sevoceama.com.br.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar