Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Blogs e Colunas

Em Pouso Alegre, governador Romeu Zema entrega R$10 milhões para Hospital Samuel Libânio

Zema comentou em entrevista que perdeu o sono por conta de colapso na saúde em abril devido ao covid-19

Por Analice Nicolau 15/10/2021 1h20
Zema comentou em entrevista que perdeu o sono por conta de colapso na saúde em abril devido ao covid-19

O governador Romeu Zema cumpre agendas de trabalho nesta sexta-feira (15) nas cidades de Pouso Alegre e São Lourenço, ambas no Sul de Minas. Pela manhã, em Pouso Alegre, ele anunciou o aumento do repasse anual ao Hospital Samuel Libânio, com aporte de R$ 10 milhões. Em entrevista a conceituada jornalista, Rosy Pantaleão, o político contou que perdeu o sono por cauda do colapso na saúde, neste ano.


O aporte faz parte da nova Política de Atenção Hospitalar do Estado de Minas Gerais, Valora Minas. O valor será dividido em parcelas mensais a serem repassadas ao longo do ano, triplicando o valor do repasse atual feito pelo Estado. Ainda pela manhã, o governador se reúne com representantes do setor produtivo do agronegócio local.


Em entrevista para a jornalista Rosy Pantaleão, Zema comentou que os piores momentos da gestão foram os meses de abril e maio, com o pico de mortes por covid-19 e que chegou a perder o sono devido ao pico de internações devido ao coronavírus.


“Ainda não estamos tranquilos, mas, quando chegamos ao colapso em abril, e várias regiões sofrem com a falta de leitos de atendimento hospitalar, ficamos preocupados com o andamento da pandemia. (…) Ainda não chegou o momento que vamos estourar uma garrafa de champagne, mas estamos confiantes com o avanço da vacinação, pois Minas é uma das referências em imunização e estamos caminhando para que o Estado seja referência em várias outras áreas”, comentou Zema.


Durante o bate-papo, o governador ainda comentou sobre os avanços na Educação.
A agenda de Romeu Zema ainda apontou que o político estará em São Lourenço para anunciar o aumento do repasse anual para a Casa de Caridade do município. O montante também faz parte da nova Política de Atenção Hospitalar do Estado de Minas Gerais, Valora Minas. Serão mais R$ 486,4 mil divididos em parcelas mensais a serem repassadas ao longo do ano, equivalente a um aumento de 13%.


Ainda em São Lourenço, às 15h45, o chefe do executivo mineiro se reúne com representantes do setor do turismo na região. São Lourenço se destaca por ser uma das mais conhecidas estâncias hidrominerais do Brasil, sendo cidade polo do Circuito das Águas de Minas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar