fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Futebol

Sylvinho surge como favorito para treinar o Corinthians

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

O Corinthians não abdica de uma meta estabelecida assim que Tite comunicou ter aceitado o convite da Seleção Brasileira: anunciar o novo técnico até esta sexta-feira (17). Com algumas negativas na conta, a diretoria alvinegra fará uma reunião no CT Joaquim Grava logo depois que a equipe desembarcar na capital paulista, por volta do meio-dia, onde deve sacramentar o nome de Sylvinho, colaborador técnico da Inter de Milão, de 40 anos, como próximo alvo.

Representantes da cúpula asseguraram que nenhum nome recebeu ofertas oficiais, mas Grêmio e Ponte Preta confirmam a procura corintiana por Roger Machado e Eduardo Baptista. O primeiro, por sinal, foi uma indicação do próprio Tite, sempre elogioso ao tratar do trabalho do seu ex-comandado. Eles foram campeões da Copa do Brasil de 2001, pelo time gaúcho.

A ideia dos diretores é conversar com a comissão técnica e saber deles a avaliação sobre Sylvinho. Auxiliar de Tite e Mano Menezes, o ex-lateral esquerdo, revelado no Parque São Jorge, trabalhou na função de julho de 2013 até dezembro de 2014, quando foi convidado pela Internazionale-ITA para exercer cargo semelhante ao lado do técnico Roberto Mancini.

Como deixou um bom ambiente ao sair para a Itália, o mais provável é que Sylvinho receba uma avaliação positiva de seus antigos companheiros e, dessa forma, abra caminho para o seu retorno. Como se prepara para ser treinador na Europa, é improvável que o antigo atleta do Barcelona não consiga uma liberação da equipe de Milão.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Fábio Carille, que comandou a equipe na derrota por 1 a 0 para o Fluminense, admitiu que gostaria de ter a chance de treinar o Corinthians algum dia. No momento, porém, assegurou não ser o nome mais adequado para assumir a vaga deixada por Tite.

“Sempre deixei claro que eu quero ser treinador. Mas eu tenho certeza de que não é momento. Porque saiu uma referência que é (o Tite)… E eu sou jovem para assumir tudo isso. Sou funcionário do clube, tenho vontade, mas não é o momento”, afirmou Carille, que deve continuar na comissão técnica fixa do Alvinegro. “Continuo como interino até a diretoria anunciar o novo treinador. Conheço bem a equipe, e a minha ideia é seguir na ideia de trabalho do Tite. Linhas bem organizadas, com bastante posse de bola. Essa vai ser a rotina até a chegada do novo treinador”,


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade