fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Torcida

Novo pedido de liberdade de Ronaldinho Gaúcho é negado

O Ministério Público do Paraguai investiga, também, a participação de Ronaldinho em organizações criminosas e esquemas de lavagem de dinheiro

Avatar

Publicado

em

Foto: Reprodução/Redes Sociais
PUBLICIDADE

Juízes do Tribunal de Apelação, Pedro Mayor Martínez, Gustavo Santander e Gustavo Campos, negaram, na manhã desta sexta-feira (13), o novo pedido de liberdade de Ronaldinho Gaúcho e seu irmão, Assis. Eles estão detidos no Paraguai após entrarem no país com passaporte e documento de identidade adulterados. 

Além desta acusação, o Ministério Público do Paraguai investiga, também, a participação de Ronaldinho em organizações criminosas e esquemas de lavagem de dinheiro.

Na quinta-feira, a defesa de Ronaldinho entrou com um recurso em segunda instância contra a rejeição do pedido de prisão domiciliar feita pelo juiz Gustavo Amarilla, no último dia 10, segundo o R7.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade