fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Saúde

Dia Mundial da Saúde Ocular: mais de 75% dos problemas visuais poderiam ser evitados, diz OMS

Glaucoma é um exemplo de doença grave e silenciosa que só pode ser diagnosticada por especialistas

Avatar

Publicado

em

Foto: Reprodução
PUBLICIDADE

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que 39 milhões de pessoas, em todo o mundo, sofrem de cegueira e que 246 milhões possuem algum distúrbio que provoca a perda moderada ou severa da visão. Para conscientizar a população da importância do acompanhamento oftalmológico, no dia 10 de julho é comemorado o Dia Mundial da Saúde Ocular. Ainda de acordo com a OMS, mais de 75% das patologias que afetam a visão poderiam ser evitadas ou curadas, caso fossem diagnosticadas antecipadamente. 

“A prevenção é fundamental para diagnosticar e tratar doenças e evitar qualquer perda visual. Muitas doenças oculares são pouco perceptíveis em estágios iniciais ou só se manifestam em estágios graves”, explica o oftalmologista Hilton Medeiros, da Clínica de Olhos Dr. João Eugenio.

O glaucoma é um exemplo de doença grave e silenciosa que só pode ser diagnosticada por especialistas. A patologia consiste no aumento da pressão interna do olho, podendo causar perdas visuais irreversíveis. A retinopatia diabética, principal causa de perda de visão entre pessoas com idade ativa, também é uma doença sorrateira que costuma se revelar em estado avançado, quando a cegueira é iminente.

Alergias, conjuntivites e baixa visão também costumam atingir a população com frequência, mas a doença de maior incidência nos olhos é a miopia. “O problema pode ter origem porque o olho é grande ou o cristalino tem uma distância focal curta. Para corrigir o erro de refração é necessário usar óculos, lentes ou fazer cirurgia”, comenta o médico.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Além dos exames de rotina, é recomendado praticar alguns hábitos e cuidados, visto que boa parte das doenças nos olhos, são causadas pelo tempo, ou por uso indevido de produtos, sem consulta médica. “Alguns cuidados simples podem fazer toda diferença, como, por exemplo, evitar usar colírio sem receita médica, usar óculos de sol com proteção ultravioleta e dar pausas para a vista quando trabalhar muitas horas em frente ao computador”, finaliza Hilton Medeiros.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade