fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Política & Poder

“O Brasil vai ser um país mais pobre”, diz Rodrigo Maia

Ele defende que todos os poderes vão precisar readequar suas realidades durante a crise

Aline Rocha

Publicado

em

PUBLICIDADE

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, durante entrevista na Casa, disse que é importante que o Brasil “caminhe para um maior diálogo entre os três Poderes e outros entes federados”. 

Ele sugeriu que a reunião entre os três poderes seja convocada pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, em consonância com toda a equipe técnica. Para Maia, a reunião deverá ocorrer em ambiente reservado e com diálogo franco entre todas as partes. 

Além disso, afirmou que o valor de R$ 300 por mês apresentado pelo governo Bolsonaro para trabalhadores informais durante a crise do coronavírus é insuficiente e defendeu o aumento para R$ 500 aos informais, autônomos e vulneráveis.

“Se precisamos garantir o isolamento das famílias, temos que dar a previsibilidade e a renda, para que essas pessoas possam passar os próximos 30 dias. Precisa garantir recursos. O que a gente tem entendido é que a proposta que o governo fez, que amplia até mais do que os R$ 200, é muito pequena para que a população precisa.”


Para ele, é preciso “gerar as condições mínimas para que os brasileiros possam manter as determinações da Organização Mundial da Saúde, do Ministério da Saúde e dos governadores”, que indicam o distanciamento social como medida mais eficaz para conter o avanço da pandemia de covid-19 no país.

 


Leia também
Publicidade