Siga o Jornal de Brasília

Política & Poder

Justiça autoriza emprego da Força Nacional em apoio ao Ministério da Educação

Portaria foi publicada no DOU nesta quinta-feira (8). Medida é em prevenção contra possíveis atos de vandalismo de estudantes

Publicado

em

Foto: Agência Brasil

Da redação
[email protected]

O Ministério da Justiça e Segurança Pública autorizou o emprego da Força Nacional de Segurança Pública em apoio ao Ministério da Educação, nas ações de preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio, na defesa dos bens e dos próprios da União, em caráter episódico e planejado, nos dias 7, 12 e 13 de agosto de 2019.

Apesar da autorização já prever ação desde a quarta-feira, 6, dia 7, a Portaria está publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 8. A portaria diz ainda que, se necessário for e houver solicitação do MEC, a período de uso da Força Nacional poderá se prorrogado. 

A União Nacional dos Estudantes (UNE) está convocando manifestação dos estudantes para o dia 13 de agosto em todo o país. O movimento é contra os cortes na educação, em defesa da autonomia universitária e contra o projeto Future-se do MEC.

A Força Nacional já tem atuado em manifestações desde o início do ano. No dia 15 de maio, um ato contra o contingenciamento na Educação contou com os militares. No dia 30, houve outra passeata e, novamente, a Força estava ao redor “nas ações de preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio”, segundo o MEC.

Sites sabotados?

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, disse nesta quinta-feira (8) que há suspeitas de que alguém esteja sabotando o site da pasta. “A população não será prejudicada. Qualquer serviço que fique fora do ar, estenderemos o prazo. Temos indícios e a polícia irá ver se isso caracteriza ou não sabotagem”, destacou, em coletiva de imprensa.

A Polícia Federal foi chamada para investigar se há indícios de crimes.

Com agências


Você pode gostar
Publicidade
Publicidade
Publicidade
  • CHARGE DO DIA

Publicidade