fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Política & Poder

Ex-esposa de deputado acusa parlamentar de esconder R$ 10 milhões da Justiça Eleitoral

Em 2018, Arthur Lira declarou um patrimônio de R$ 1,7 milhão. No entanto, a ex Julyenne Santos Lins mostrou anotações de bens que somam R$ 11 milhões

Avatar

Publicado

em

Foto: Agência Câmara
PUBLICIDADE

A ex-companheira do deputado federal Arthur Lira (PP-AL), Julyenne Santos Lins, acusa o parlamentar de ocultar cerca de R$ 10 milhões da Justiça Eleitoral.

Em 2018, Lira declarou um patrimônio de R$ 1,7 milhão. No entanto, ao apresentar dados para o processo de divórcio do casal, Julyenne mostrou anotações de bens que somam R$ 11 milhões.

Foi solicitada uma abertura de inquérito contra Lira. Em entrevista à revista Veja, Julyenne acusa Lira de crime contra honra por chamá-la de “notória vigarista”. A ex-esposa também pede que o deputado seja investigado por abuso de poder econômico e caixa dois nas eleições de 2018.

Lira se defendeu afirmando que a acusação é “mais uma fabulação para tentar obter alguma vantagem com tais ardis”. Ele conta que a ex sempre retira as queixas feitas por não conseguir apresentar provas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“O que se tem, em verdade, é a intenção da Querelada de difundir mentiras e factóides contra o Defendido, com fito exclusivo de prejudicá-lo, o que não foi diferente no caso da “denúncia” feita à revista Veja”, disse ele.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade