Siga o Jornal de Brasília

Política & Poder

Eliana Pedrosa decide não apoiar ninguém no 2º turno

Francisco Dutra
[email protected]

A ex-candidata ao Governo do Distrito Federal Eliana Pedrosa (Pros) decidiu adotar uma posição de neutralidade no 2º turno da eleição. A empresária também decidiu liberar seus apoiadores no 1º turno para caminhar junto com os candidatos ainda no páreo. Ou seja, podem escolher entre Ibaneis Rocha (MDB) ou governador Rodrigo Rollemberg (PSB).

Em nota, Pedrosa alegou que concorreu propondo uma campanha propositiva. No início da corrida eleitoral, a candidata do Pros despontou na liderança das pesquisas de intenção de voto. Contudo, a campanha derreteu na reta final do 1º turno em função de uma série de controvérsias. O ponto de ignição foi a revelação que o plano de governo previa a construção de dois “estádios”. Pedrosa negou que o projeto era para duas arenas, mas sim focava na criação de dois centros esportivos.

Confira a nota de Pedrosa na íntegra:

Na tarde desta quarta-feira, 10, Eliana Pedrosa, decidiu ficar neutra e não manifestar apoio a nenhum dos dois candidatos que estão no segundo turno das eleições do Distrito Federal. Disse ainda, que deixa seus apoiadores livres para decidir qual a melhor opção.

Eliana agradeceu à todos que votaram nela e deseja que Brasília tenha novos rumos daqui para frente.

“Optei por uma campanha propositiva, sem atacar nenhum dos meus adversários, em que pese os ataques sofridos, e fui muito correta com meus projetos para Brasília. Deixo meu plano de governo à disposição daquele que vencer, se quiser utilizar de algo que possa ser benéfico ao Distrito Federal. O Plano se tornou público assim que registrei. Que Deus abençoe a todos! “, disse, Eliana Pedrosa.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
  • CHARGE DO DIA