fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Política & Poder

Bolsonaro, sobre medidas na pandemia: “Nenhum país fez como o Brasil”

“Preservamos vidas e empregos sem propagar o pânico, que também leva a depressão e mortes”, afirmou o presidente

Willian Matos

Publicado

em

PUBLICIDADE

Em postagem nas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) falou sobre as medidas de preservação da economia em meio à pandemia do novo coronavírus. Na avaliação de Bolsonaro, “nenhum país do mundo fez como o Brasil”.

Bolsonaro iniciou o discurso criticando governadores e prefeitos, que, segundo ele, “visaram retardar o contágio enquanto os hospitais se preparavam para receber respiradores e leitos UTIs”. Promover o isolamento social na sociedade é o método mais eficaz de evitar a propagação do vírus, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS).

Em seguida, o presidente disse que o governo federal “atendeu a todos com recursos e meios necessários”. “Criamos meios para preservar empregos e auxiliamos com cinco parcelas de R$ 600,00 um universo de 60 milhões de informais/’invisíveis'”, alega Bolsonaro, exaltando a criação do auxílio emergencial. Inicialmente previsto para durar por três meses, o governo confirmou a prorrogação do benefício por mais 60 dias.

“Nenhum país do mundo fez como o Brasil. Preservamos vidas e empregos sem propagar o pânico, que também leva a depressão e mortes.”

Após testar positivo para a covid-19, Bolsonaro está em isolamento no Palácio da Alvorada e deve se manter até a próxima semana.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade