fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Política & Poder

Bolsonaro quer aumentar validade da carteira de motorista

Aline Rocha

Publicado

em

Bolsonaro
PUBLICIDADE

Da Redação
[email protected]

Em entrevista ao Programa Sílvio Santos, no SBT, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que vai encaminhar ao Congresso Nacional uma medida provisória para aumentar o tempo de validade da Carteira Nacional de Habilitação, em breve. O tempo de validade passa de cinco para 10 anos.

O presidente defendeu, também, o aumento tolerado no limite de pontos na carteira de motorista, além da retirada de radares das rodovias federais.

“Vinte pontos se perde com muita facilidade. [O motorista] é emboscado em todo lugar”, disse. “Você não tem mais prazer em dirigir, a qualquer lugar que você vá está cheio de radar. O radar extrapolou a ideia de proteger a vida, é caça-níquel para aumentar a arrecadação. É dinheiro que tira do povo”, explicou o presidente.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Bolsonaro conta, também, que oito mil pedidos para instalação de novos radares foram engavetados assim que assumiu o governo. Segundo ele, os radares nas rodovias federais também serão removidos conforme os contratos com as empresas expirarem.

Reforma da Previdência

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O presidente voltou a defender a reforma da Previdência. De acordo com ele, é uma forma de regularizar a situação financeira dos governos, que gastam mais com aposentadorias do que recebe de contribuições e retomar os investimentos em obras públicas. “A Previdência não é só para o governo federal, a maioria dos estados está em situação crítica, a maior parte dos municípios está na mesma situação”, afirmou.

O projeto foi encaminhado ao Congresso Nacional em fevereiro pelo Executivo e, para o presidente, a maioria dos parlamentares está convencida da necessidade de aprovar a reforma, “apesar dos desgastes políticos”. “Essa reforma é para ajudar os pobres. Nós queremos garantir a aposentadoria para as futuras gerações”, disse.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade