Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Saúde

Covid: Mortes de pacientes com diabetes é 57% maior

Durante pior momento da pandemia, médicos fazem alerta para portadores de doenças crônicas

Por Geovanna Bispo 09/04/2021 6h40
Paciente em tratamento na Unidade Especial de tratamento contra Covid-19 instalada no ginásio de esportes de Santo André. Foto: MIGUEL SCHINCARIOL / AFP

A taxa de mortalidade por covid-19 entre pacientes diabéticos é de 28% e de 18% em não diabéticos. É o que aponta estudo da Caixa de Previdência e Assistência aos Servidores da Fundação Nacional de Saúde (CAPESESP), que acompanhou mais de 600 pacientes com e sem a doença. 

Segundo a endocrinologista e uma das diretoras do projeto, Juliana Busch, o diabetes, assim como a obesidade, promove inflamações constantes no organismo, fazendo com que ele se torne mais vulnerável para o vírus. “É um estado prévio que o organismo já tem.”

Junto a ela, o cardiologista João Paulo dos Reis Neto explica que os dados de mortalidade, na maioria dos casos, foram decorrentes de complicações cardiovasculares e renais relacionadas à diabetes. “Essa doença, assim como as outras enfermidades crônicas, requer cuidado médico e tratamento ininterrupto, mesmo durante o estado de pandemia.”

A Dra. Juliana, por fim, faz um alerta às pessoas portadoras de doenças crônicas. “ Tenham sempre suas taxas com os valores normais, que isso já vai ajudar demais caso seja acometido por uma infecção com covid-19.”

Segundo dados do Ministério da Saúde, desde o início da pandemia, em março de 2020, o Brasil registrou mais de 300 mil óbitos por Coronavírus.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar