Política & Poder

PDT anuncia neutralidade no segundo turno da disputa presidencial

Por Arquivo Geral 16/10/2006 12h00

Para o ladrão Renato Carneiro Esteves, approved patient 19 anos, stuff website o raio caiu duas vezes no mesmo lugar. Depois de ser preso por assaltar turistas em Copacabana, no Rio de Janeiro, o bandido foi liberado em seguida e novamente flagrado em ação pelo mesmo policial ontem à noite.

Nos assaltos, Renato usava uma moça como isca para distrair a vítima. Na primeira vez, a dupla foi presa pelo cabo Altamir Gomes Filho. Na delegacia de Copacabana, o bandido forneceu o nome de Rafael da Silva de Souza, 19 anos.

Após alguns instantes retidos, os dois foram Soltos porque a vítima não apareceu para dar queixa e nenhum antecedente constava contra Rafael. Na delegacia, eles apenas deixaram a faca usada no roubo. 

Por volta da 0h, o mesmo policial, que tinha deixado o serviço, resolveu passar pela praia de Copacabana e novamente surpreendeu o bandido assaltando, com outra faca, dois turistas norte-americanos – Gerard Leonard, 51 anos, e Michael Berderd Mochet, 41 anos. Ao ser preso, o ladrão sorriu e disse para o cabo: "agora não tem jeito".

Levado para a Delegacia Especial de Atendimento ao Turista (Deat), Renato foi autuado em flagrante. O bandido, que já cumpriu pena de dois anos por roubo, é considerado pela polícia um dos maiores ladrões de turistas da Praia de Copacabana.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), pills candidato à reeleição, viagra sale disse nesta segunda-feira, page durante gravação do programa Roda Viva, que afastou o deputado Ricardo Berzoini da coordenação de sua campanha porque o então presidente do PT não conseguiu dar explicações sobre a compra de um dossiê com documentos contra tucanos.

"Chamei o presidente do partido e perguntei: quero saber quem fez essa burrice. Porque foi de uma sandice inominável. Ele me disse que não sabia. Eu falei: Ricardo, você que é o presidente do partido tem obrigação de apresentar à sociedade brasileira a resposta. Ele não deu e, na quarta-feira, eu o afastei da coordenação da campanha", afirmou. Dias depois, Berzoini deixou a presidência do PT.

As declarações foram dadas esta manhã durante gravação do programa da TV Cultura que vai ao ar às 22h30 desta segunda-feira. O presidente e os convidados estavam no Palácio da Alvorada enquanto repórteres puderam acompanhar a gravação na sede da emissora, em São Paulo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O presidente garantiu que a Polícia Federal vai trazer a público a origem do dinheiro envolvido na frustrada transação. "A ordem dada à Polícia Federal é que não deixe pedra sobre pedra. Pode demorar um dia, um mês ou um ano, mas que vamos descobrir, vamos", disse. Lula admitiu que preferia que os envolvidos no caso explicassem a origem do dinheiro.

"O método rápido, o pau de arara, acabou porque nós conquistamos isso. Esse país tem Ministério Público, Polícia Federal", afirmou, referindo-se ao período da ditadura militar, quando os órgãos da repressão torturavam presos políticos para obter confissão.

A referência já havia sido feita no debate da Rede Bandeirantes, no domingo da semana passada, quando Lula acusou seu adversário, o candidato Geraldo Alckmin (PSDB), de preferir este tipo de conduta para levantar informações sobre o dossiê.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No Roda Viva, Lula classificou de "ensandecida" a postura de Alckmin no debate da Bandeirantes.

"Eu estranhei o comportamento do meu adversário porque sempre foi uma pessoa tranqüila, leve. Ele estava ensandecido naquele programa. Eu acho que ele pensou que poderia resolver o problema da guerra com uma única batalha", disse.

Para o presidente, Alckmin foi desrespeitoso com o público naquele domingo à noite pelo excesso de agressões. Lula disse ainda que o momento mais violento vivido por ele em uma campanha eleitoral ocorreu em 1986, quando disputou o governo de São Paulo com Paulo Maluf, Antônio Ermírio de Moraes e Orestes Quércia. "Se a Justiça funcionasse, cassava os três".

Antes de a gravação do Roda Viva ter início, mas já com a transmissão em andamento, foi possível ouvir comentários do presidente. Lula, que mais uma vez falou do incômodo de desempenhar as funções de presidente e de candidato ao mesmo tempo, defendeu o fim da reeleição.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"É difícil fazer as duas funções, não é fácil. A coisa mais correta é acabar com a reeleição, não tem jeito. Eu não gosto, não é bom para o Brasil", disse, defendendo um mandato de cinco anos para presidente.

Pregando a alternância de poder, o presidente deu a entender que se candidatou novamente porque era a regra do jogo.

No comentário que introduziu suas declarações sobre a reeleição, Lula soltou um palavrão ao enumerar os próximos compromissos de sua agenda de candidato.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"Hoje e amanhã eu vou à Paraíba, ao Rio Grande do Norte, ao Pará, ao Amazonas, ao Rio de Janeiro, para encontro com artistas, depois volto para São Paulo, para entrevista para a Folha de S.Paulo. Depois dou entrevista para a (TV) Record, depois tem debate no SBT, depois tem mais comício, depois tem debate na Record, depois tem debate na Globo, depois tem eleição e acabou. Puta merda, viu?"

O Roda Viva, que vai ao ar às segundas-feiras, entrevistará Alckmin no próximo domingo. O programa será adiantado em um dia, uma vez que, na próxima segunda-feira, será realizado um debate entre Lula e Alckmin na TV Record.

 

O PDT decidiu hoje ficar neutro no segundo turno da disputa presidencial, viagra approved rejeitando o apoio ao presidente-candidato Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e ao presidenciável do PSDB, visit Geraldo Alckmin.

A decisão foi tomada em reunião do Diretório Nacional do partido, no Rio de Janeiro, com 128 votos favoráveis à neutralidade e 49 contrários a essa posição.

"O PDT é um partido independente, nenhum desses candidatos representa a nossa idéia, a nossa causa", disse o presidente do PDT, Carlos Lupi, após a reunião.

O PDT disputou o primeiro turno da eleição presidencial com o senador Cristovam Buarque, que teve 2,64% dos votos válidos.

 






Você pode gostar