Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Política & Poder

Maia defende fim das taxas de juros de cheque especial e de cartão de crédito

Em medidas que visam baratear o crédito e irrigar a economia, Maia disse ser “um absurdo” as taxas cobradas

Foto: Câmara dos Deputados

Nesta terça-feira (7), o parlamentar e presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), defendeu o fim das taxas de juros de cheque especial e de cartão de crédito. 

Em um alive, realizada pela Genial Investimentos Maia disse “São dois produtos que distorcem o sistema financeiro brasileiro”. Em medidas que visam baratear o crédito e irrigar a economia, Maia disse ser “um absurdo” as taxas cobradas e disse que isso terá de ser discutido. 

Quando foi perguntado a respeito de projetos de tributação maior dos bancos, o democrata disse que todos buscam soluções para ampliar a arrecadação, mas essa não é uma discussão para o atual momento por conta da pandemia de coronavírus. 

“Acho que os bancos poderiam ter se unido”, disse ele, para contribuir mais neste momento de pandemia.






Você pode gostar