Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Mundo

Biden pede apoio ao direito ao aborto no aniversário de decisão histórica

Pedido foi feito Biden durante o 49º aniversário da decisão histórica da Suprema Corte que legalizou o aborto nos Estados Unidos

Foto: Reuters

O presidente Joe Biden marcou o 49º aniversário da decisão histórica da Suprema Corte que legalizou o aborto nos Estados Unidos ao pedir novamente que esse direito seja consagrado na lei federal. 

“O direito constitucional estabelecido em Roe v. Wade há quase 50 anos está hoje sob ataque como nunca antes”, disse Biden neste sábado(22) em um comunicado também assinado pela vice-presidente Kamala Harris. 

“É um direito que acreditamos que deve ser codificado em lei, e estamos comprometidos em defendê-lo com todas as ferramentas que temos”, disse o comunicado. 

O direito constitucional estabelecido na decisão da Suprema Corte de 1973 está sob constante ameaça. Vários estados liderados por republicanos adotaram regras que tornam cada vez mais difícil para as mulheres fazerem abortos. 

“Nos últimos anos, vimos os esforços para restringir o acesso aos cuidados de saúde reprodutiva aumentarem a um ritmo alarmante”, disse o comunicado de Biden-Harris, citando leis recentes no Texas, Mississippi e outros estados.

Agência France Press

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar