Brasil

Veja quantas doses da vacina de Oxford cada estado vai receber

26 estados e o Distrito Federal serão beneficiados. A distribuição começará no domingo (24)

Por Willian Matos 23/01/2021 4h56
vacina Oxford,AstraZeneca

Às 14h18 deste sábado (23), os 2 milhões de doses da vacina de Oxford/Astrazeneca foram liberadas pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro. 26 estados e o Distrito Federal serão beneficiados. A distribuição começará no domingo (24).

Por questões populacionais, o estado de São Paulo receberá maior quantitativo da vacina: 501.960. O Amazonas terá um certo reforço por conta do colapso que o estado tem vivido nas últimas semanas. O DF receberá 41.500 doses, que se juntam às 106.160 da Coronavac recebidas na última segunda-feira (18).

A vacina de Oxford deve ter aplicação diferente. A Fiocruz sugere que todo o carregamento seja logo aplicado, ao invés de guardar metade dele para aplicar a segunda dose. Não é o que acontece com a Coronavac: das 106 mil recebidas pelo DF, apenas 53 mil serão aplicadas, para que, entre 14 e 28 dias, haja o reforço da vacinação.

A aplicação será diferente porque, segundo o vice-presidente de Produção e Inovação em Saúde da Fiocruz, Marco Krieger, a vacina de Oxford tem eficácia de 73% por 120 dias a partir da aplicação da primeira dose, o que já seria suficiente para reduzir a carga viral da população. Até se encerrar o prazo, a expectativa é que a fundação tenha produzido e/ou recebido mais doses.

Veja quantas doses da vacina de Oxford/Astrazeneca cada estado e o DF irá receber:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

São Paulo – 501.960
Minas Gerais – 190.500
Rio de Janeiro – 185.000
Amazonas – 132.500
Bahia – 119.500
Rio Grande do Sul – 116.000
Paraná – 86.500
Pernambuco – 84.000
Ceará – 72.500
Goiás – 65.500
Pará – 49.000
Maranhão – 48.500
Santa Catarina – 47.500
Distrito Federal – 41.500
Paraíba – 36.000
Espirito Santo – 35.500
Rio Grande do Norte – 31.500
Alagoas – 27.500
Mato Grosso – 24.000
Piauí – 24.000
Mato Grosso do Sul – 22.000
Sergipe – 19.000
Rondônia – 13.000
Tocantins – 11.500
Amapá – 6.000
Acre – 5.500
Roraima – 4.000






Você pode gostar