Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasil

Ômicron avança em canteiros de obras, diz setor da construção

Em 75% das empresas, os atestados de Covid ou Influenza atingiram até 25% dos trabalhadores. Cerca de 12% tiveram de dispensar até metade da equipe

Por FolhaPress 26/01/2022 8h27
Foto: Reprodução

Joana Cunha
São Paulo, SP

A ômicron avança nos canteiros e já compromete o cronograma de algumas obras, de acordo com o novo levantamento da CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção), realizado entre os dias 14 e 21 de janeiro.

Em 75% das empresas, os atestados de Covid ou Influenza atingiram até 25% dos trabalhadores. Cerca de 12% tiveram de dispensar até metade da equipe.

José Carlos Martins, presidente da CBIC, diz que o cenário dos números surpreendeu, mas não deve chegar a afetar o setor com um todo. “Teremos tempo para ajustar. São cronogramas maiores que podem ser facilmente adaptados”, afirma.

A pesquisa abrange 482 companhias ouvidas em todas as regiões, sendo que aproximadamente 50% têm de 1 a 50 funcionários. A CBIC afirma também que cerca de metade delas tem exigido vacinação completa dos funcionários, além de testar os trabalhadores para detectar o vírus.

Nesta terça-feira (25), o governo federal formalizou a redução no prazo de afastamento dos infectados com Covid-19 para dez dias, contados do dia seguinte ao início dos sintomas ou da realização do teste.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar