Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasil

Excesso de postagens nas redes sociais geram riscos à segurança

Criminosos podem monitorar suas possíveis vítimas através dos perfis nas redes sociais

Foto: Tereza Neuberger

Por Tereza Neuberger
[email protected]

O mundo está na era da exposição, as redes sociais nos apresentam cada vez mais ferramentas que permitem a postagem em tempo real do que estamos fazendo, onde estamos e para onde vamos. Expor a vida cotidiana nas redes sociais é um hábito que muitas pessoas têm aderido por motivos diversos.

Com o aumento da exposição pessoal na internet aumentam também os riscos que podem ultrapassar a vida online e atingir a vida offline. Quem se expõe está sujeito não só aos olhares de quem é próximo, quem se identifica e quem o admira como também às observações de pessoas mal-intencionadas como os criminosos.

O período de férias movimenta bastante as redes sociais de moradores do Distrito Federal, que aproveitam os dias de folga para viajar ou até mesmo fazer alguns passeios, tudo devidamente registrado e postado. O que usuários das plataformas não imaginam é que podem estar fornecendo informações para quem poderá utilizá-las para fazer o mal, como cometer crimes.

Uma das práticas criminosas nesse período, consiste em se aproveitar das informações por redes sociais de que a vítima esteja viajando ou fora de casa em um passeio para furtar o imóvel que supostamente se encontra vulnerável.

De acordo com a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) essa modalidade de crime é cometida por indivíduos oportunistas que aproveitam o período de férias em que os proprietários dos imóveis viajam por longos períodos deixando suas residências desocupadas.

O empresário Iannis Zazelis, de 42 anos, costuma ter o feed em sua rede social repleto de fotos de viagens de lugares diversos em várias épocas do ano, além de registros de passeios nas redondezas da capital. O empresário mora sozinho e conta que toma certas medidas para manter a segurança, além de deixar alguém na residência Iannis também afirma que só posta as fotos quando já está em casa. “Não posto nunca o meu momento atual, sempre faço minhas postagens quando já estou em casa.” ressalta o empresário.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Iannis Zazelis, empresário. Foto: Arquivo Pessoal

A PMDF recomenda a todos os moradores que passam longos períodos fora de casa que caso seja possível, invistam em equipamentos de segurança, sejam eles de monitoramento, alarmes ou reforço nos obstáculos tais como fechaduras auxiliares, reforço nas portas e janelas, portões e até mesmo a instalação de cercas elétricas. Bem como verificar o pleno funcionamento destas ferramentas antes de sair de casa.

Outra recomendação da PMDF é de que ao se ausentar da residência o morador comunique a um vizinho ou pessoa de confiança. Para que na sua ausência, o imóvel seja observado e diante de qualquer suspeita, a Polícia Militar seja acionada imediatamente. Evitar deixar o imóvel com aparência de local vazio também ajuda a prevenir esse tipo de crime. Cortinas e persianas totalmente fechadas, a mesma lâmpada acesa dia e noite o acúmulo de correspondências e jornais denunciam ausência de moradores no imóvel.

A exposição da rotina nas redes sociais também pode facilitar para que esses criminosos entendam a vida íntima da pessoa e saibam onde encontrar a possível vítima através de informações de almoços em restaurantes, viagens, localização de casa, caminho do trabalho e bens que possuem como carros, motos e até joias.

Thamires Ximenes, de 33 anos, é mãe de três, esposa, empresária e influenciadora digital. Com uma vida tão agitada fica difícil não compartilhar cada momento com os 154 mil seguidores, no entanto a influenciadora brasiliense também toma medidas para que sua vida online não seja prejudicial. A mãe de três utiliza as redes sociais mais intensamente a cerca de cinco anos e conta que nunca se deparou com situações problemáticas por conta da exposição na internet.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Foto: Arquivo Pessoal

“Eu sempre tomo bastante cuidado quanto a isso, de não postar em tempo real se eu estiver sozinha, principalmente, ou dependendo do horário também”, explica a influenciadora.

Infelizmente ao utilizar as redes sociais estamos expostos e os riscos são grandes, porém é possível minimizar o impacto com algumas ações simples. Uma das maneiras de prevenir infortúnios é evitar passar informações prévias sobre viagem e passeios que irá realizar, bem como tomar cuidado ao marcar o local onde se encontra. É importante também, proteger as imagens das crianças nas redes sociais.








Você pode gostar