fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Sargento da PM é suspeito de atirar na ex-mulher por não aceitar fim do relacionamento

Suspeito fugiu levando uma criança pequena, que seria filho do casal, após atirar na vítima

Avatar

Publicado

em

Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Um sargento da Polícia Militar está foragido sob suspeito de atirar na ex-mulher. De acordo com as investigações,  Ronaldo Henrique de Amorim Neves não aceitava o fim do relacionamento dele com a mulher.

A tentativa de feminicídio ocorreu na noite dessa quarta-feira (11) no Residencial Celestino Henrique Pereira, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá. Amorim trabalhava na academia da PM do bairro Costa Verde, localizado na mesma cidade.

De acordo com algumas testemunhas, o sargento teria ido até a casa da vítima para tentar reatar o relacionamento. No entanto, a mulher se recusou a voltar com o suspeito. Em seguida, ele atirou três vezes na ex-mulher. Os disparos atingiram o braço e as costas da vítima.

O suspeito fugiu levando uma criança pequena, que seria filho do casal, após atirar na vítima. A mulher, de 31 anos, foi encontrada ferida baleada na rua. Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamada e a socorreu.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A vítima está internada no Pronto-Socorro Municipal de Várzea Grande PSMVG).

Em nota, a Corregedoria da Polícia Militar informou que até o momento o policial ainda não foi localizado e que a equipes da PM estão em busca do militar. O caso está sendo investigado.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade