fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Polícia Civil resgata 13 jovens jogadores de futebol de cárcere privado

O clube carioca Fluminense tem um base de treinamento próximo ao local. O time vai abrigar os 13 jovens, que vão passar por exames de covid-19 e testes para o time

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Nesta terça-feira (8), a Polícia Civil do Rio de Janeiro realizou uma operação para resgatar 13 menores de idade que eram mantidos em cárcere privado, em Xerém, na Baixada Fluminense. Segundo informações do G1, Jorge Valnei dos Santos era o homem responsável pelos jovens.

O homem trouxe os menores de diferente estados como Alagoas, Paraná, Amazonas e Paraíba. Os jovens foram atraídos pela promessa de que seriam treinados para jogar futebol.

De acordo com o delegado do caso, Roberto Gomes, o local não tem estrutura para suportar acomodação. A autorização de algum órgão público para funcionar também não existe. “Se acontecesse alguma coisa aqui dentro, eles não teriam para onde correr. Então, eles eram mantidos aqui, sim, em cárcere”, afirmou o delegado ao G1.

Os pais dos jovens eram enganados e pagavam R$ 500 por mês para o impostor “treinar” seus filhos. Jorge Valnei foi preso em flagrante por supressão de documentos, cárcere privado e estelionato.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo investigações, o espaço era pequena, pouco ventilado e os menores não tinham nenhum contato com o mundo externo.

O clube carioca Fluminense tem um base de treinamento próximo ao local. O time vai abrigar os 13 jovens, que vão passar por exames de covid-19 e testes para o time.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade