fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Motorista faz ziguezague quando vê blitz, se nega a parar e mente aos policiais

Quando foi abordado, condutor disse que outra pessoa estava dirigindo, mas não havia ninguém no carro além dele. “Só se fosse um cidadão invisível”, declarou o delegado

Willian Matos

Publicado

em

PUBLICIDADE

Um rapaz de 26 anos foi preso na madrugada deste sábado (27/7) por dirigir embriagado. Ele derrubou cones de uma blitz, desobedeceu a policiais e ainda passou para o banco do passageiro antes da abordagem, chegando a dizer que não era ele quem estava dirigindo.

O caso aconteceu em Campo Grande-MS. Segundo informações do boletim de ocorrência, os policiais viram um carro trafegando em ziguezague e em alta velocidade. Quando o veículo se aproximou da barreira policial, os cones de fiscalização foram derrubados. O motorista se negou a parar e passou até por um sinal vermelho. Ele só foi parar depois de ser perseguido pelos militares.

Então, ao chegar no carro, os policiais viram o homem no banco do passageiro. Ele disse que era outra pessoa quem estava dirigindo o veículo, e que ela havia saído antes dos militares chegarem. “Só que não foi vista nenhuma outra pessoa dirigindo. Só se fosse um cidadão invisível”, declarou o delegado.

Os olhos vermelhos, o odor de álcool, a fala alterada, o desequilíbrio no andar e a exaltação, no entanto, entregaram o suspeito por si só. Ele se negou a soprar o bafômetro e a polícia elaborou Auto de Constatação de Embriaguez.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Como não houve acidente com vítima, o delegado Leandro Azevedo arbitrou fiança de dois salários mínimos (R$ 1.998), mas o pai do jovem falou aos policiais que não iria pagar. “Disse que ele [filho], vai passar o fim de semana na cadeia”.

O jovem foi conduzido por dirigir embriagado e por direção perigosa. Ele deve passar por audiência de custódia na segunda-feira (29) e a Justiça irá definir se permanecerá preso ou se será solto.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade