fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Médico é agredido por paciente com suspeita de coronavírus

O  homem entrou na unidade com sintomas gripais considerados moderados e falta de ar

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Nesta quinta-feira (8), um médico foi agredido após dar a um paciente de 40 anos a noticia de que o paciente poderia receber diagnóstico positivo para coronavírus, em uma Unidade de Pronto Atendimento em Curitiba. 

O clínico geral, Igor Kazuo Onaka, recebeu um soco do paciente. 

Segundo o hospital, o homem ficou revoltado com a possibilidade de testar positivo para o novo coronavírus e partiu pra cima da equipe médica após descobrir que seria transferido ao Hospital Evangélico. 

O  homem entrou na unidade com sintomas gripais considerados moderados e falta de ar.

De acordo com o médico, ele tentou acalmar o paciente, mas acabou por ser agredido com um soco no nariz. A agressão não causou feridas no clínico geral. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Todos os profissionais envolvidos na confusão precisaram passar por exames para verificar a possibilidade de terem sido infectados pelo novo coronavírus. Um boletim de ocorrências foi registrado na Polícia Civil contra o paciente, que não teve a identidade revelada.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade