fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Jovem é agredido em Londres por terror contra coronavírus

A Polícia londrina está tratando o ataque como agressão “agravada por motivos raciais”.Até o momento ninguém foi preso. 

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Um rapaz, natural de Cingapura, afirmou ter sido alvo de racismo por um grupo de homens que o agrediram no centro de Londres. O jovem Jonathan Mok, de 23 anos, disse que os homens gritaram“Não queremos o seu coronavírus no nosso país” durante as agressões.  

A Polícia londrina está tratando o ataque como agressão “agravada por motivos raciais”.Até o momento ninguém foi preso. 

Em sua rede social, Mok postou as fotos de seus ferimentos. Na publicação ele explicou que o ataque ocorreu perto da estação de metrô Tottenham Court Road.

Ele ainda escreveu “De repente, o primeiro soco acertou meu rosto e me pegou de surpresa”. Segundo o cingapuriano seu rosto estava “explodindo de sangue” e após o ataque ele ficou “atordoado e chocado”. 

O jovem lembrou que algumas pessoas estão usando a doença como desculpa para “aumentar o ódio por pessoas diferentes deles”. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade