fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

“Foi uma ultrapassagem proibida por parte do motorista”, diz sobrevivente de acidente no interior de SP

A sobrevivente estava na fileira de poltronas oposta ao lado do motorista, por sorte ela teve sua vida preservada

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Nesta semana, um ônibus colidiu com um caminhão em uma rodovia no interior de São Paulo, em Taguaí. O acidente matou mais de 40 pessoas e deixou 11 feridos. Rosana Aparecida Santos, de 47 anos, foi uma das sobreviventes e relatou que passou por pessoas mortas para deixar os destroços do veículo.

“Peguei minha bolsa, levantei e saí pelos fundos, que estava aberto. Tive que passar por cima de várias pessoas mortas e outras agonizando”, disse Rosana em entrevista à Época.

A sobrevivente estava na fileira de poltronas oposta ao lado do motorista, por sorte ela teve sua vida preservada. “O ônibus ficou completamente destruído no lado do motorista, e o caminhão foi parar a uns 50 metros, num barranco”, afirmou.

Rosana disse ainda que o acidente ocorreu após uma tentativa de ultrapassagem do motorista do coletivo. “Foi uma ultrapassagem proibida por parte do motorista. Ele estava muito encostado no caminhão da frente e, mesmo assim, sem visibilidade, ultrapassou. Quando senti o balanço do ônibus, levantei do banco, percebi que o motorista do caminhão tentou tirar pro lado, mas não conseguiu, não deu tempo”, explicou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade