fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Catar piolho vira negócio de sucesso para moradora do Rio de Janeiro

Mãe, que trabalhava no setor de saúde, viu em um problema da filha a chance de abrir a própria empresa

Avatar

Publicado

em

Foto: Reprodução/TV
PUBLICIDADE

Uma mãe moradora do Rio de Janeiro descobriu uma forma alternativa de ganhar dinheiro na pandemia. Verônica oferece um serviço de caça-piolho.

A mãe, que trabalhava no setor de saúde, viu em um problema da filha a chance de abrir a própria empresa. Há alguns anos, quando a filha havia contraído piolho, ela percebeu que não havia um serviço especializado para acabar com o problema.

Dessa forma, Verônica começou a oferecer o serviço. A maior parcela dos clientes são criança, mas ela relata que adolescentes e idosos também sofrem com os piolhos.

Perguntada sobre o futuro do mercado, Verônica explica que o problema é bastante atual e exige tratamento.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“O piolho se multiplica muito rápido, então é muito complicado você conseguir acabar com ele”, relatou em entrevista ao Bom Dia Rio, da TV Globo.

Verônica atende por hora marcada e leva todo o material necessário até a casa do cliente.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade